Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Saúde Pública
 
Nutrição
 
Disciplina: HNT0191 - Nutrição em Saúde Pública
Public Health Nutrition

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2006 Desativação:

Objetivos
- Estar capacitado a enfocar os disturbios da nutrição à luz do método epidemiológico, considerando frquência e distribuição, impacto, determinantes e estratégias alternativas de intervenção. - Estar familiarizado com os princiaisindicadores utilizados na avaliação alimentar e nutricional de populações e ser capaz de interpretar resultados de inquéritos realizados em populações específicas. - Conhecer o perfil alimentar e nutricional da população brasileira, considerada em seus diversos estratos regionais e sócio-econômicos. - Conhecer os principais programas de Alimentação e Nutrição desenvolvidos no país, levando em conta objetivos, operacionalização, pontos de estrangulamento e perspectivas.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
47399 - Carlos Augusto Monteiro
2087391 - Maria Helena D Aquino Benicio
 
Programa Resumido
Análise dos distúrbios nutricionais como problemas de Saúde Pública (desnutrição protéico-energética, anemia, hipovitaminose A, bócio endêmico e obesidade) Perfil alimentar e nutricional da população brasileira. Desenvolvimento de um modelo geral de determinação do estado nutricional e sua aplicação no caso brasileiro. Estrarégias alternativas de intervenção para o controle dos distúrbios nutricionais. Avaliação do estado nutricional a nível individual e de população. Exame dos principais programas em andamento no Brasil com ênfase na identificação de preposições, na análise da fundamentação epidemiólogica e na avaliação de eficácia e eficiência.
 
 
 
Programa
Unidade I: Epidemiologia dos distúrbios da nutrição no Brasil: - Análise dos distúrbios da nutrição como problemas de Saúde Pública: magnitude, impacto na morbi-mortalidade e vulnerabilidade a intervenções.Perfil alimentar e nutricional da população brasileira. Desenvolvimento de um modelo geral de determinação do estado nutricional e sua aplicação no caso brasileiro. Estratégias alternativas de intervenção para o controle de problemas de Saúde Pública relacionados à nutrição. Unidade II: Avaliação do estado nutricional a nível individual e de população: Análise crítica do instrumental diagnóstico: métodos clínicos e métodos laboratoriais. O exame antropométrico na avaliação do estado nutricional de grupos populacionais: recém-nascidos, crianças, adolescentes e adultos. Utilizando do software EPINUT e de planilha eletrônica para padronização de medidas antropométricas. A adequação do consumo alimentar como indicador preditivo do estado nutricional. Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. Unidade III: programas de Alimentação e Nutrição: Exame dos principais programas em andamento no Brasil com ênfase na identificação de proposições, na análise da fundamentação epidemiológica e na avaliação de eficácia e eficiência.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas. Exposições de experiências. Exercícios práticos individuais e em grupos. Leitura dirigida de textos recomendados.
Critério
Prova escrita.
Norma de Recuperação
O aluno que for para recuperação poderá realizar prova/trabalho. A nota final será a média (aritmética ou ponderada) das notas final e de recuperação.
 
Bibliografia
     
Claro RM, Carmo HCE, Machado FMS, Monteiro CA. Renda, preço dos alimentos e participação de frutas e hortaliças na dieta. Rev Saúde Pública. 2007; 41(4): 557-64.
LEVI-COSTA RB, SICHIERI R, PONTES NS, MONTEIRO CA. Disponibilidade domiciliar de alimentos no Brasil: distribuição e evolução (1974-2003). Rev Saúde Pública. 2005; 34(4): 530-540.
Monteiro CA. Benicio MHD’A, Konno SC, Feldenheimer ACS, Lima ALL. Conde WL. Causas do declínio da desnutrição infantil no Brasil, 1996 – 2007. Rev Saúde Pública. 2009; 43(1): 35-43.
Monteiro AM e Castro, IRR de. Por que é necessário regulamentar a publicidade de alimentos. Ciência e Cultura. 2009. 61(4): 56-59. Disponível em:
http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?pid=S0009-67252009000400020&script=sci_arttext.
Monteiro, CA. -org. (2000). Velhos e novos males da saúde no Brasil: a evolução do país e de suas doenças. 2ª Edição Aumentada. São Paulo: Hucitec/NUPENS-USP. 431 p.
WHO(2002). Diet, nutrition and the prevention of chronic diseases. Geneva: WHO. (Technical Report Series 797), p.: 81 a 91.
 

Clique para consultar os requisitos para HNT0191

Clique para consultar o oferecimento para HNT0191

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP