Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Saúde Pública
 
Saúde Materno-infantil
 
Disciplina: HSM0122 - Evidências em Saúde Pública
Evidence - based Public Health

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2012 Desativação: 31/12/2018

Objetivos
Discutir os fundamentos e as origens históricas dos conceitos de evidências e sua aplicação em Saúde Pública. Apresentar os roteiros de avaliação crítica de estudos em saúde. Introduzir o debate sobre os limites e possibilidades do uso dos desenhos experimentais sobre os objetos complexos como os da Saúde Pública. Introduzir aluno as aplicações dos conceitos de evidências na saúde pública no Brasil e no mundo, e seu papel na promoção das mudanças de práticas. Discutir a especificidade do caso brasileiro. Introduzir o aluno sobre como proceder a atualização das revisões sistemáticas e o uso da Biblioteca Cochrane, da Colaboração Campbell e do Instituto Joanna Briggs. Apresentar e discutir as revisões sistemáticas sobre as práticas efetivas, cotejá-las com a realidade brasileira e discutir as políticas para sua adequação. Discutir os desafios para a implementação de mudanças institucionais, e a metodologia dos estudos sobre a mudança, tomando como estudo de caso a assistência materno-infantil no Brasil.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
412326 - Carmen Simone Grilo Diniz
 
Programa Resumido
Introduzir os conceitos de práticas baseadas em evidências, níveis de validade, minimização de vieses, revisão sistemática, metanálise e metassíntese. Apresentar a Colaboração Cochrane, a Colaboração Campbell e o Instituto Joanna Briggs. Discutir suas origens históricas, seu debate epistemológico e os limites da aplicação dos desenhos experimentais sobre os objetos complexos como os da Saúde Pública. Apresentar os roteiros de avaliação crítica de estudos em saúde.
 
 
 
Programa
•Introdução aos conceitos: práticas baseadas em evidências, níveis de validade, minimização de vieses, revisão sistemática e metanálise.
•A Colaboração Cochrane: origens históricas, seu debate epistemológico
•Limites da aplicação dos desenhos experimentais sobre os objetos complexos como os da Saúde Pública
•Avaliação crítica de estudos em saúde.
•Aplicações dos conceitos de evidências na saúde pública no Brasil e no mundo, e seu papel na promoção das mudanças de práticas.
•Atualização das revisões sistemáticas e o uso da Biblioteca Cochrane.
•Desafios para a implementação de mudanças institucionais, a metodologia dos estudos sobre a mudança - estudo de caso da assistência materno-infantil no Brasil.
 
 
 
Avaliação
     
Método
trabalho escrito e participação nas aulas
Critério
aproveitamento mínimo
Norma de Recuperação
prova substitutiva

 
Bibliografia
     
Biblioteca Cochrane - http://cochrane.bvsalud.org/portal/php/index.php
Grupo Cochrane de Saúde Pública - http://www.ph.cochrane.org/en/index.html
Programa de habilidades de lectura crítica Espanha - http://www.redcaspe.org/homecasp.asp
Colaboração Campbell - http://www.campbellcollaboration.org/
Bernardo WM, Nobre MRC, Jatene FB. A prática clínica baseada em evidências. Parte III. Avaliação crítica das informações de pesquisas clínicas. Rev Assoc Med Bras. 2004;50(2):221-8.
Behague DP; Storeng KT. Collapsing the vertical - horizontal divide: An ethnographic study of evidence-based policymaking in maternal health. American Journal of Public Health. 2008 Apr; 98 (4) :644-649.
Diniz, S.G., Chacham, A. S. O “corte por cima” e o “corte por baixo”: o abuso de cesáreas e episiotomias em São Paulo. Questões de Saúde Reprodutiva. 2006;I(1):80-91.
Diniz, SD ; Bick, D ; Bastos, M ; Riesco, Maria Luiza Gonzalez . Empowering women in Brazil. Lancet, v. 370, p. 1596-1598, 2007.
Enkin M, Keirse MJNC, Neilson J, Crowter C, Duley L, Hodnett E, Hofmeyr J. Guia para atenção efetiva na gravidez e no parto. 3ª edição. Rio de Janeiro:Guanabara Koogan 2005. 279 p.
Glasziou Pp, Del Mar C, Salisbury J. Evidence-Based Medicine Workbook. Bmj Books, 2007 (2nd Edition).
Hodnett ED, Gates S, Hofmeyr GJ, et al. Continuous support for women during childbirth (Cochrane Review). In: Cochrane Library, Issue 2. Oxford: Update Software, 2005.
Rosenblatt RA. The perinatal paradox: doing more and accomplishing less. Health Aff (Millwood). 1989;8:158-168.

 

Clique para consultar os requisitos para HSM0122

Clique para consultar o oferecimento para HSM0122

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP