Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Medicina Tropical de São Paulo
 
Disciplinas do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo
 
Disciplina: IMT2001 - Organismos Patogênicos de Importância em Saúde Pública
Pathogens of Interest in Public Health

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
O objetivo é informar e demonstrar aos alunos as características biológicas de organismos patogênicos transmissíveis de maior importância em Saúde Pública, permitindo a formação de espírito crítico sobre o tema.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2089855 - Heitor Franco de Andrade Junior
3228906 - Maria Tereza Pepe Razzolini
 
Programa Resumido
Estudo dos aspectos biológicos, bioquímicos e ecológicos de organismos patogênicos relevantes em Saúde Pública como vírus, bactérias, fungos, protozoários e metazoários.
 
 
 
Programa
1. Introdução a complexidade dos agentes. Os vírus. Estrutura e biologia celular Vírus de RNA
2. Aumentando a complexidade, os Vírus de DNA
3. Ainda mais complexos, vírus com pacotes intercambiáveis ou retroalimentação. Vírus | Retrovírus| Segmentados
4. Os organismos independentes -Bactérias
5. A forma de respiração como seleção Bactérias | Anaeróbicas |Aeróbicas
6. Agentes especiais Permeantes ou toxigênicos |Enterobactérias | E.coli| Cólera
7. Agentes depois de mortos Toxinas e Produtos Bacterianos
8. Os organismos nucleados - Fungos como viver da morte (Cândida e Paracoccidioidomicose)
9. Protozoários flagelados Kinetoplastideos | Leishmaniose | Chagas
10. Protozoários Apicomplexa | Malária Toxoplasma |Crypto |Babesia|
11. Outros Protozoários de importância em saúde pública| Giardia| Trichomonas | Ameba
12. Metazoários Helmintos Luminares Geohelmintos
13. Helmintos Sistêmicos | S. mansoni, Tênias e triquinas
14. Metazoários agressivos Insetos, aranhas, cobras Peçonhentos
 
 
 
Avaliação
     
Método
Prova e trabalho.
Critério
Duas Provas - peso 40% cada, trabalho - peso 20%
Norma de Recuperação
A recuperação será feita na semana seguinte a conclusão do curso aos alunos que obtiveram média das duas provas inferior a 5 e maior que 3.
 
Bibliografia
     
1- Alexander, M. 1999. Biodegradation and Bioremediation. Academic Press, New York. 472 p.
2- Barbosa, H.R. & Torres, B.B. Microbiologia Básica, Editora Atheneu, 1998.
3- Bergamin Filho, A., Kimati, K. & Amorim, L. (Eds) 1995. Manual de Fitopatologia Vol. I. Ed. Agronômica Ceres, São Paulo. 919 p.
4- Brock, T, Madigan M.T., Martinko, J.M. And Parker J, Microbiology 8ª ed. Prentice Hall , 1999.
5- Ferreira, U., Foronda, A. S., Schumaker, T.T.S. Fundamentos Biológicos da Parasitologia Humana - 1ª. Edição.Maier, R. (Ed.). 2000. Environmental Microbiology. Academic Press, New York. 608 p.
6- Pelczar, M.J., Chan, E.C.S. & Krieg, N.R. 1996. Microbiologia: conceitos e aplicações. Vol. II. Makron Books, São Paulo. 517 p.
7- Rey, L. Bases da Parasitologia Médica –.- Ed. Guanabara Koogan – 2008 379p.
8- Schmidt S. & Roberts L. Foundations of Parasitology - 8ª. Edição, 2009
9- Tortora, Funke & Case . Microbiology, 6a. ed. 2000.
10- Trabulsi, L.R. Microbiologia. 3ª. ed., Ed. Atheneu, 1999
11- Trager, W. Living Together. The Biology of Animal Parasitism. 1ª. Edição. 1986.
12- FIELDS, Bernard N. & KNIPE, David M. Fields virology. 3rd ed. New York, Raven Press, 1996. 2v. ISBN: 0-88167-552-0
 

Clique para consultar os requisitos para IMT2001

Clique para consultar o oferecimento para IMT2001

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP