Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto Oceanográfico
 
Oceanografia Biológica
 
Disciplina: IOB0124 - Sistema Bentônico
Benthic System

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2009 Desativação:

Objetivos
Familiarizar os alunos com os vários ecossistemas do Bentos, considerando-se os seres vivos e o ambiente.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1577580 - Paulo Yukio Gomes Sumida
 
Programa Resumido
Bentos: Componentes/Adaptações. Importância do substrato-sedimento. Associaçãode espécies em comunidades/Diversidade
 
 
 
Programa
Bentos: Componentes/Adaptações. Importância do substrato-sedimento. Associaçãode espécies em comunidades/Diversidade. História de vida: reprodução/ dispersão
larval/estabelecimento/estratégias r e k. Métodos de estudo do bentos. Distribuição espacial: Bentos estuarino/Marisma/Manguezal. Zona entre marés rochosas e areno-lamosa,dunas. Plataforma continental. Ambientes vegetados da plataforma continental. Recifes de coral. Mar profundo. Bentos na Antártica. Influência do homem sobre o ambiente marinho. Processos biológicos: produção primária (fotossintética, heterotrófica e quimiosintética) e secundária no bentos. Fluxo de matéria e energia nos diferentes sistemas. Trabalho de Campo
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas expositivas, aulas práticas em laboratórios e trabalho de campo para coleta de bentos
Critério
duas provas escritas e relatório de trabalho de campo
Norma de Recuperação
Prova escrita.
 
Bibliografia
     
Absalão, R.S. & Esteves, A.M. (eds) 1997. Ecologia de praias arenosas do litoral brasileiro. Oecologia Brasiliensis nº3, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 274 p.
Baker, J.M. & Wolff, W.J. (eds). 1987. Biological surveys of estuaries and coasts. Cambridge, Cambridge University Press, 449 p. (vários capítulos)
Barnes, R.S.K. & Hughes, R.N. 1988. An introduction to Marine Ecology. 2a ed., Oxford, Blackwell Scientific Publications.
Gray, J. S. & Elliot, M. 2009. Ecology of Marine Sediments from Science to Management. 2ª edição. New York, Oxford Univ. Press Inc., 233 p.
Holme, N.A. & McIntyre, A.D. 1984. Methods for Study of Marine Benthos. 2aed., Blackwell Sci.,387 p.
Lalli, C.M. & Parsons, T.R. 1997. Biological Oceanography: an introduction. Oxford, Butterworth-Heinemann, 314 p.
Lerman, M. 1986. Marine Biology. Menlo Park, Benjamin Cummings, 543 p.
Levinton, S. 2001. Marine Biology. Function, Biodiversity, Ecology. 2a ed., New York, Oxford University Press, 515 p.
Nybakken, J.W. 2001. Marine biology: an ecological approach. 5th ed. São Franciso, Benjamin Cummings, 516 p.
Pereira, R.C. & A. Soares-Gomes (orgs). 2009. Biologia Marinha. 2a ed., Rio de Janeiro, Interciência, 631 p.
Schaeffer-Novelli, Y. 1995. Manguezal. Ecossistema entre a terra e o mar. Caribean Ecological Research, 64 p.
Ruppert, E.E. & Barnes, R.D. (eds). 1996. Zoologia dos Invertebrados. 6a ed. São Paulo, Editora Roca, 1029 p.
Underwood, A J. & Chapman, M.G. (eds) 2005. Coastal marine ecology of temperate Australia. Sydney, University of New South Wales Press, 341 p.
 

Clique para consultar os requisitos para IOB0124

Clique para consultar o oferecimento para IOB0124

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP