Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
 
Economia Administração e Sociologia
 
Disciplina: LES0340 - Instrumentação para o Ensino de Ciências Biológicas
Instrumentation for the Teaching of Biological Sciences

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 4
Carga Horária Total: 180 h ( Estágio: 40 h , Práticas como Componentes Curriculares = 60 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2021 Desativação:

Objetivos
Preparo instrumental do educador para considerar sua atividade intelectual e reflexiva, considerando a dimensão da Ciência na sociedade e as tendências atuais na área de ensino de Ciências para propor, analisar e elaborar experimentos, materiais e espaços didáticos no ensino formal (como o laboratório escolar) e não formal de Ciências, conhecidos através de visitas didáticas a Museus e Exposições (excursões da disciplina) e, incluindo, ainda os espaços abertos pela tecnologia da informação. A disciplina visa contemplar questões relacionadas a gestão pedagógica, tanto no Ensino Fundamental como no Ensino Médio, discutindo instrumentos de ensino utilizados em projetos pedagógicos, além do estudo sobre aplicação de técnicas e manejo de tempo, espaço e organização da classe, utilizando-se de recursos que possam motivar os alunos e contribuir para a aprendizagem. Associada a tais discussões encontram-se também análises sobre as formas de avaliar o processo de ensino-aprendizagem visando contribuir para o progresso do aluno. Contemplar atividades envolvendo a prática como componente curricular como a elaboração e análise de materiais didáticos aplicados a situações de ensino, junto a escola de educação básica, bem como a reflexão sobre a relação desses materiais com as disciplinas, envolvendo a elaboração de kits didáticos, jogos educativos, materiais para atividades práticas de laboratório, dentre outros, como também o planejamento e condução de seminários, focalizando materiais que contribuam para a instrumentação pedagógica. Realização de estágio supervisionado em escolas de educação básica.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
7785642 - Taitiâny Karita Bonzanini
 
Programa Resumido
Preparo instrumental do educador para considerar sua atividade intelectual e reflexiva, considerando a dimensão da Ciência na sociedade e as tendências atuais na área de ensino de Ciências para propor, analisar e elaborar experimentos, materiais e espaços didáticos no ensino formal (como o laboratório escolar) e não formal de Ciências, conhecidos através de visitas didáticas a Museus e Exposições (excursões da disciplina) e, incluindo, ainda os espaços abertos pela tecnologia da informação. A disciplina visa contemplar questões relacionadas a gestão pedagógica, tanto no Ensino Fundamental como no Ensino Médio, discutindo instrumentos de ensino utilizados em projetos pedagógicos, além do estudo sobre aplicação de técnicas e manejo de tempo, espaço e organização da classe, utilizando-se de recursos que possam motivar os alunos e contribuir para a aprendizagem. Associada a tais discussões encontram-se também análises sobre as formas de avaliar o processo de ensino-aprendizagem visando contribuir para o progresso do aluno. A relação teoria-prática é contemplada em atividades de estágio supervisionado e também em atividades envolvendo a prática como componente curricular, como a análise e produção de materiais didáticos.
 
Educator's instrumental preparation to consider his intellectual and reflexive activity, the Science dimension in the society and the current tendencies in the Sciences teaching area to propose, analyze and elaborate didactic experiments, materials and spaces in the Sciences formal (as the educational laboratory) and nonformal teaching, known through didactic visits to Museums and expositions and, including, also, the spaces opened by the information technology. The discipline seeks to contemplate questions related to the pedagogic management, both in Middle and High School, discussing teaching instruments used in pedagogic projects, and also the study about application of techniques and time, space and class organization management, using resources to motivate the students and to contribute for the learning. Associated to those discussions, there are also analyzes about the manners to evaluate the teaching-learning process aiming to contribute for the progress of the student.
 
 
Programa
O programa da disciplina prevê o trabalho com: Discussões e execução de Estágio em instrumentação Prática como componente curricular: elaboração de materiais e seminários. Discussão de conteúdos como: História da Ciência e sua relação com o desenvolvimento instrumental; o professor enquanto intelectual e profissional reflexivo e sua relação com a instrumentação para o ensino dos conteúdos curriculares tradicionais e inovadores; análise e desenvolvimento de materiais para o ensino de áreas específicas (genética, anatomia, entre outras), com discussões sobre Metodologia de Ensino e Didática; análise e desenvolvimento de materiais para o ensino envolvendo alunos com necessidades educacionais especiais; discussões sobre instrumentos para o trabalho com temas transversais, interdisciplinaridade, multidisciplinaridade e transversalidade, fontes de informação e tecnologias da informação na escola e em espaços educacionais interativos; Alfabetização Científica; a perspectiva CTSA e o ensino; laboratórios didáticos: montagem, manutenção, segurança e uso no ensino básico; adaptação de experimentos ao ensino básico; espaços não formais de aprendizagem como Museus, Feiras de Ciências e organização do ensino em espaços alternativos na sociedade, visitas didáticas a espaços formais e não formais de aprendizagem (excursões da disciplina) com o objetivo de proporcionar aos alunos maiores vivências e contatos com diferentes situações de ensino, proporcionando discussões e reflexões sobre o processo de ensino e de aprendizagem nesses espaços; concepção, elaboração e uso de KITs educacionais; produção e análise de Jogos Educativos; Educação Ambiental: concepções e recursos didáticos para sua implementação.
 
 
 
Avaliação
     
Método
A avaliação envolverá a elaboração e análise de um KIT didático e manual de sua aplicação e a apresentação do mesmo. Envolverá a entrega de relatórios de atividades práticas, resenhas e questões sobre textos propostos, assiduidade e participação, atividades de Estágio Supervisionado e uma prova escrita.
Critério
A avaliação do KIT elaborado levará em conta o processo de elaboração, além do produto final, para o qual será avaliada a funcionalidade do KIT, o rigor conceitual, os critérios que nortearam sua elaboração bem como sua adequação à faixa etária e aos propósitos educacionais de formação geral. Os relatórios referentes às atividades programadas serão avaliados quanto a organização, abordagem do tema, respeito aos prazos estabelecidos, qualidade e rigor teórico-conceitual, bem como sua relação com a instrumentação prática.
Norma de Recuperação
Será realizada uma prova de recuperação que aborda todo o conteúdo ministrado durante o semestre. Para ter direito a recuperação o aluno dever ter no mínimo 70% de freqüência e média final maior ou igual a 3,0 e menor que 5,0.
 
Bibliografia
     
BASTOS, F. e NARDI, R. (Orgs.) Formação de professores e práticas pedagógicas no ensino de ciências: contribuições da pesquisa na área. São Paulo: Escrituras Editora, 2008. BRASIL, Ministério da Educação, Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais: ensino médio. Brasília: Ministério da Educação, 1999. BRASIL, Secretaria de Educação Média e Tecnológica. PCN+ Ensino Médio: orientações educacionais complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais. Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Brasília: MEC, SEMTEC, 2002. CACHAPUZ, A. [et. al], (Orgs). A necessária renovação do ensino das ciências. São Paulo: Cortez, 2005. CALDEIRA, A. M. de A. e ARAUJO, E. S. N. N de. (Orgs.) Introdução á didática da Biologia. São Paulo: Escrituras Editora, 2009 CARNEIRO TOMAZELLO, M.G e SCHIEL, D. O livro da experimentoteca: educação para as ciências da natureza através de práticas experimentais. Piracicaba: VITAE/UNIMEP/USP, 2000. CARVALHO, A. M. P. (Org.) Ensino de ciências: unindo a pesquisa e a prática. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004.CARVALHO, A. M. P. de. Ensino de ciências por investigação: condições para implementação em sala de aula. São Paulo: Cengage Learning, 2013. DELIZOICOV, D. et. Al. Ensino de ciências: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2002. FRACALANZA, H. O conceito de Ciência veiculado por atuais livros didáticos de Biologia. Dissertação (Mestrado), FE-UNICAMP/Campinas, 1982. FUNBEC. Laboratório básico polivalente de ciência para o primeiro grau: manual do professor. Rio de Janeiro: MEC: FENAME: PREMEN: DEF, 1978. FURIÓ MAS, C.J. Tendencias actuales en la formación del profesorado de Ciencias. Enseñanza de las Ciencias, 12 (2), 188-199, 1994. GASPAR, A. Experiências de Ciências para o ensino fundamental. São Paulo: Ática, 2005. GIL PÉREZ, D. Contribución de la Historia y de la Filosofía de las Ciencias al desarrollo de un modelo de enseñanza/ aprendizaje como investigación. Enseñanza de las Ciencias, 1993, 11(2): 197-212. GOULART, I. B. (Org.) A Educação na perspectiva construtivista: reflexões de uma equipe interdisciplinar. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995 GUARNIERI, M. R. (Org.) Aprendendo a ensinar: o caminho nada suave da docência. Campinas: Autores Associados; Araraquara: PPGEE/UNESP, 2000. HODSON, D. Experiments in Science and Science teaching. Educational Philosophy and Theory, 20 (1988), 53-66. KRASILCHIK, M. Prática de Ensino de Biologia. Cap. 5 e 6 e 9. 4a. ed. São Paulo: EDUSP, 2004. KUHN, T. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 1975. MORAN, J.M., MASETTO, M.T., BEHRENS, M.A. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 13. Campinas, SP: Papirus, 2000. NARDI, R.; BASTOS, F. e DINIZ, R. E. da S.(Orgs.) Pesquisas em ensino de ciências: contribuições para a formação de professores. 5ª. Ed. São Paulo: Escrituras Editora, 2004. NIGRO, ROGERIO G. CIÊNCIAS - SOLUÇOES PARA DEZ DESAFIOS DO PROFESSOR. São Paulo: Ática Educadores, 2011. PAVÃO, A. C. e FREITAS, D. de. (ORg.) Quanta Ciência há no ensino de Ciências. São Carlos: EDUFSCar, 2011. SEE/SP, Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. Proposta Curricular do Estado de São Paulo: Coord. Maria Inês Fini. São Paulo: SEE, 2008. Disponível em:Acesso em 20 de ago. de 2015. TELLES, M.Q., ROCHA, M.B., PEDROSO, M.L., MACHADO, S.M.C. Vivências integradas com o meio ambiente. São Paulo: Sá Editora, 2002.
 

Clique para consultar os requisitos para LES0340

Clique para consultar o oferecimento para LES0340

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP