Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Museu de Arqueologia e Etnologia
 
Museu de Arqueologia e Etnologia
 
Disciplina: MEA0011 - Introdução à História e Arqueologia de Roma
Introduction to the History and Archaeology of Rome

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2001 Desativação:

Objetivos
Através de abordagens comparativas de fontes escritas e vestígios arqueológicos, o curso visa instrumentalizar os alunos para o estudo da História de Roma por meio de recortes de cunho social, econômico, político, religioso, tecnológico e artístico, dos períodos arcaico, republicano e imperial.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
74070 - Maria Beatriz Borba Florenzano
 
Programa Resumido
 
 
 
Programa
I. Introdução 1. Arqueologia História:questões teórico-metodológicas. 2. Fontes escritas e registros arqueológicos. 3. Mitos, lendas, tradições, ficção na historiografia romana. 4. autores gregos e latinos. II. Período arcaico 1. Roma e Lácio: formação de uma cidade, de uma sociedade e de uma cultura. 2. Roma e o mundo etrusco. 3. Roma e o mundo grego. III. Período republicano 1. Organização social, jurídica e militar. 2.Formação e proteção de um território autônomo. 3. Formação de caráter romano do início da República. 4. A expansão na Itália e as transformações sociais e econômicas do final so século III a.C.: o sistema produtivo escravista - as villae rusticae. 5. Roma e mundo helenístico. 6. A conquista da Bacia do Mediterrâneo. IV. Período imperial 1. Poder político e simbólico. 2. Estrutura a serviço do Império: engenharia, arquitetura, arte. 3. As províncias 4. Artesanato e comércio além das fronteiras.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas com apoio de textos e de documentos materiais (acervo do MAE/USP, vídeos, diapositivos e transparências) discussões em grupo de textos selecionados.
Critério
Os alunos deverão ser avaliados: a) a partir da participação em aula (exercícios de leitura de textos e análise de objetos); b) apresentação de fichamentos; c) uma prova escrita no final do curso.
Norma de Recuperação
Prova escrita abrangendo temas desenvolvidos durante o curso com base na bibliografia apresentada durante o mesmo. Será livre a escolha do tema pelo aluno entre 3 (três) selecionados pelo responsável.
 
Bibliografia
     
1.BIANCHI BANDINELLI, R. Les Etrusques et l´Italie avant Rome. Paris: L´Univers des Formes, Éditions Gallimard, 1963. 2.BIANCHI BANDINELLI, R. Roma. Centro del Poder. Madri: El Universo de las Formas, 1970. Tradução de C. Hernando Martin. 3.BLOCH, R.; COUSIN, J. Roma e seu destino. Livro 3. Lisboa: Edições Cosmos, Rio de Janeiro, 1964. 4.BRUNEAU, PH. Fontes Textuais e Vestígios Materiais: Reflexões sobre a Interpretação Arqueológica. Mélanges G. Daux. Paris: de Boccard, 1974: 33-42, Trad. De Flávia Faleiros. 5.BRUNT, P.A. Social Conflicts in the Roman Republic. New York, London: W.W. Norton & Company, 1971. 6.BURFORD, A. Craftsmen in Greek and Roman Society. London: Thames & Hudson, 1972. 7.CARANDINI, A. Arqueología y Cultura Material. Textos de Antropología. Barcelona: Editorial Mitre, 1984. 8.CARANDINI, A. (Org.) Sette Finestre. Una villa schiavistica nell´Italia romana. 1. La villa nel suo insieme; 2. La villa nelle sue parti; 3. La villa e i suoi riperti. Modena: Edizioni Panini, 1985. 9.COARELLI, F. Guida Archeologica de Roma. Verona: Arnoldo Mondadori Editore, 1974. 10.DAL MASO, L.B.; VIGHI, R. Lazio Archeologico. Fireenze: Bonechi, 1975. 11.DE MARTINO, F. Storia economica di Roma antica. Vols. 1 e 2. Firenze: La Nuova Italia Editrice, 1980. 12.DRINKWATER, J.F. Urbanization in Italy and the Western Empire. J. Wacher (Ed.) The Roman World, Vol.1, London, New York, Routledge & Kegan Paul, 1987: 345-387. 13.ELLIS, S.P. Power, Architecture and Decor: How the Late Roman Aristocrat Appeared to His Guests. Elaine K. Gazda (Ed.) Roman Art in the Private Sphere. New Perspectives on the Architecture and decor of the Domus, Villa, and Insula. Ann Arbor, The University of Michigan Press, 1991: 117-137. 14.FINLEY, M. A Economia Antiga. Porto: Afrontamento, 1980. 15.FUNARI, P.P.A. Cultura Popular na Antigüidade Clássica. São Paulo, Contexto, 1988. 16.FUNARI, P.P.A. Roma. Vida Pública e vida privada. São Paulo: Atual, 1994. 17.FUNARI, P.P.A. Antigüidade Clássica. A História e a cultura a partir dos documentos. Campinas: Editora da UNICAMP, 1995. 18.GARNSEY, P. (Org.) Non-slave Labor in the Greek-Roman World. Cambridge: Cambridge University Press, 1980. 19.GARNSEY, P. Famine and Food Supply in the Graeco-Roman World. Cambridge: Cambridge University Press, 1988. 20.GARNSEY, P.; SALLER, R. The Early Principate, Augustus to Trajan. Oxford: At Clarendom Press, 1982.
21.GARNSEY, P.; SALLER, R. The Roman Empire. Economy, society and culture. London: Duckworth, 1987. 22.GAZDA, E.K. (Ed.) Roman Art in the Private Sphere. New Perspectives on the Architecture and decor of the Domus, Villa, and Insula. Introduction. Ann Arbor, The University of Michigan Press, 1991: 1-24. 23.GIARDINI, A. O homem romano. Lisboa: Presença, 1992. 24.GUARINELLO, N.L. Imperialismo Greco-Romano. São Paulo: Editora Ática, 1987. 25.GUARINELLO, N.L. Ruínas de uma paisagem: arqueologia das casas de fazenda da Itália Antiga (VIII a.C. - II d.C.). Tese de doutoramento, São Paulo, FFLCH-USP, 1993. 26.HASELGROVE, C. Culture process on the periphery: Belgic Gaul and Rome during the late Republic and early Empire. Michael Rowlands; Mogens Larsen; Kristian Kristiansen (Eds.) Centre and periphery in the ancient world. New Directions in Archaeology. Cambrige, London, Cambridge University Press, 1987: 124-140. 27.HEADAGER, L. Empire, frontier and the barbarian hinterland: Rome and northern Europe from AD 1-400. Michael Rowlands; Mogens Larsen; Kristian Kristiansen (Eds.) Centre and periphery in the anciente world. New Directions in Archaeology. Cambridge, London, Cambridge University Press, 1987: 125-140. 28.HOLLOWAY, R. The Archaeology of Early Rome and Latium. London, New York: Routledge, 1994. 29.KÄHLER, H. Rome et son Empire. Paris: Éd. Albin Michel, 1963. (L´Art dans le Monde). 30.MANSUELLI, G. Etruria and Early Rome. Art of the World, Crown Publishers, Inc., Iorque, 1965. 31.MIERSE, W.; WAGG, F.H. Ocho Ensayos Interpretativos sobre el Arte Romano. Revista do Museu de Arqueología e Etnologia, Suplemento 1, 1999. 32.NOVAK, M.G.; NERI, M.L.; PETERLINI, A.A. Historiadores Latinos. Antologia Bilingë. São Paulo, Martins Fontes.
33.PAULI, L. The Alps. Archaeology and Early History. Thames and Hudson, Londres, 1980. 34.PELLETIER-HORNBY, P. À l´Ombre du Vésuve. Archéologia, 318, 1995:28-37. 35.PERONI, R.; CARANDINI, A., FRANCOVICH, R. (Eds.) L´Instrumentum Domesticum di Ercolano e Pompei nella prima età imperiale. Roma: L´erma di Bretschneider, 1977. 36.RAMAGE, N.H.; RAMAGE, A. Roman Art. Romulus to Constantine. Englewood Cliffs, New Jersey; Prentice Hall, Inc., 1991. 37.ROBERTSON, D.S. Greek and Roman Architecture. Cambridge: Cambridge University Press, 1980. 38.ROSTOVTZEFF, M. Historia Económica y Social del Imperio Romano. Tomo I, Madri, 1972; Tomo II, Madri, 1973.
39.SCHMIDT, J. Vie et Mort des Esclaves dans la Rome antique. Paris: Éditions Albin Michel, 1973. 40.SHOTTER, D. Augusts Caesar. London & New York: Routlege, 1991. 41.SITWELL, N.H.H. Roman Roads of Europe. New York: St. Martin´s Press, 1981. 42.STRONG, D.; BROWN, D. (Eds.) Roman Crafts. Duckworth, Londres, 1976. 43.TARELLA, A. Como reconhecer a arte romana. Lisboa, Edições 70, 1978. 44.VEYNE, P. O Império Romano. P. Ariès; G. Duby (Orgs.) História da Vida Privada. Do Império Romano ao ano Mil. São Paulo, Companhia das Letras, 1994: 19-224. 45.WACHER, J. (Ed.) The Roman World. Vols. 1 e 2. London & New York: Routledge & Kegan Paul, 1987. 46.WBER, M. História Agrária Romana. São Paulo: Martins Fontes, 1994. Tradução de Eduardo Brandão. 47.ZANKER, P. The Power of Images in the Age of Augustus. Translated by Alan Shapiro. Ann Arbor: The University of Michigan Press, 1990.
 

Clique para consultar os requisitos para MEA0011

Clique para consultar o oferecimento para MEA0011

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP