Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Instituto de Psicologia
 
Psicologia Clínica
 
Disciplina: PSC1322 - Introdução à Psicopatologia
Introduction to Psychopathology

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 2
Carga Horária Total: 105 h ( Estágio: 30 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2021 Desativação:

Objetivos
Introduzir o aluno ao conhecimento da Psicopatologia Psicanalítica e Psicopatologia Fenomenológica, comparando-a com a abordagem psiquiátrica. Capacitar o aluno a identificar a sintomatologia psicopatológica, característica dos quadros neuróticos, psicóticos e limítrofes, bem como iniciá-lo no manejo teórico e prático das hipóteses diagnósticas propostas pela psicanálise a propósito das estruturas de personalidade, de modo a instrumentá-lo para a prática da psicanálise clinica, em suas variadas vertentes contemporâneas. Além de preparar o aluno, futuro psicólogo, para o imprescindível trabalho interdisciplinar em equipes, que atuam na prevenção e intervenção em Saúde Mental, permitindo ainda, um contato com a clínica, aproximando-os de pessoas em situação de sofrimento psíquico, que demandam nossa atenção e intervenção.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
5593721 - Andrés Eduardo Aguirre Antúnez
2103422 - Christian Ingo Lenz Dunker
747448 - Francisco Lotufo Neto
 
Programa Resumido
Introduzir o aluno ao conhecimento da Psicopatologia Psicanalítica e Psicopatologia Fenomenológica, comparando-a com a abordagem psiquiátrica. Capacitar o aluno a identificar a sintomatologia psicopatológica, característica dos quadros neuróticos, psicóticos e limítrofes, bem como iniciá-lo no manejo teórico e prático das hipóteses diagnósticas propostas pela psicanálise a propósito das estruturas de personalidade, de modo a instrumentá-lo para a prática da psicanálise clinica, em suas variadas vertentes contemporâneas.
 
 
 
Programa
Parte teórica: 1. A História da Loucura da Antiguidade Clássica à Modernidade 2. O Nascimento da Clínica 3. O Campo da Psicopatologia: psicanálise, psiquiatria, neurologia 4. Estrutura da Clínica: Semiologia, Diagnóstico, Etiologia e Terapêutica 5. Teoria das Defesas e Estruturas Clínicas: Neurose, Psicose e Perversão 6. Tipos Clínicos e Grupos Sintomáticos 7. Inibição, Sintoma e Angústia 8. A Construção Histórica dos sistemas de Classificação de Doenças Mentais: DSM e CID 9. O Exame Psíquico e a Anamnese 10. Psicopatologia fenomenológica: Karl Jaspers; Eugène Minkowski; Ludwig Binswanger; 11. Compreensão psicopatológica na psicologia clínica Plano de estágio: 1 - Objetivo: O aluno deverá entrar em contato com a realidade da clínica, de modo a poder integrar a parte teórica desenvolvida no curso e a prática; permitindo que o aluno levante as hipóteses diagnósticas propostas pela psicanálise, reconhecendo aspectos emocionais em pessoas em situação de sofrimento psíquico. O estágio visa possibilitar que o aluno reconheça e comece a atuar em prevenção e intervenção em saúde mental. 2 - Atividades do estágio: os alunos serão divididos em grupos e terão atividades práticas, assistidas e supervisionadas em instituições parceiras do Departamento de Psicologia Clínica.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Atividades discentes: Leituras, seminários, visitas institucionais, realização de um ensaio crítico; participação obrigatória nos estágios supervisionados, bem como entrega de relatório dos mesmos.
- didáticas: parte teórica: aulas expositivas e seminários.
Critério
Aulas ministradas pelos docentes: Leitura, estudo e discussão da bibliografia.
Norma de Recuperação
Apresentação de trabalhos teórico-práticos.
 
Bibliografia
     
Parte I

BERCHERIE, P. (1980) Os Fundamentos da Clínica: história e estrutura do saber psiquiátrico. Jorge Zahar, 1985.

DUNKER, C.I.L. (2011) Estrutura e Constituição da Clínica Psicanalítica. Annablume, São Paulo.

FOUCAULT, M. (1972) A História da Loucura. Perspectiva, São Paulo.
__________. (1978) O Nascimento da Clínica. Forense Universitária.

FREUD, S. (1911) Sobre um caso de paranoia descrito autobiograficamente. Sigmund Freud Obras Completas, Amorrortu V-XX, Buenos Aires, 1988.

__________. (1927) Inibição, Sintoma e Angústia. Sigmund Freud Obras Completas, Amorrortu V-XX, Buenos Aires, 1988.

LACAN, J. (1953) O mito individual do neurótico. In Os Nomes do Pai, Jorge Zahr, Rio de Janeiro, 2005.

Parte II

American Psychiatric Association (2013) Diagnostic and statistical manual of mental disorders (DSM-V), Washington, D.C., American Psychiatric Association, 2013.

BINSWANGER, L. (1973). Sobre antropologia fenomenológica. Artículos y conferencias escogidas. Madri: Editorial Gredos. pp.11-153.

JASPERS, K. (1979). Psicopatologia geral. Psicologia Compreensiva, explicativa e fenomenologia. Rio de Janeiro: Atheneu. 2ª ed. (Originalmente publicado em 1911)

MINKOWSKI, E. (2002). La schizophrénie. Psychopathologie des schizoïdes et des schizophrènes. Petite Bibliothèque Payot.

MINKOWSKI, E. (2002). Écrits cliniques. Ramonville Saint-Agne: Érès.

MINKOWSKI, E. (1995). Le temps vécu. Paris: PUF. (Originalmente publicado em 1933).

MINKOWSKI, E. (1999). Traité de Psychopathologie. Paris: Collection Les Empêcheurs de penser en rond. (Originalmente publicado em 1966).

Organização Mundial de Saúde - Classificação de Transtornos Mentais e de Comportamento da CID- 10: Descrições Clínicas e Diretrizes Diagnósticas, Porto Alegre, Artes Médicas, 1993.

Bibliografia Complementar

Ajuriaguerra, J. - Manual de Psiquiatria Infantil, RJ, Atheneu, 1981.

BARTHELEMY, J.M. (2006). Importance et extension de l’approche qualitative dans la méthode phénoméno-structurale en psychopathologie. Bull. Soc. Sci. Méd.p. 249-nº 2.

BERGERET, J. - Personalidade normal e patológica, Porto Alegre, Artes Médicas, 1988.

BLEGER, J. - Psicologia de la conduta, Buenos Aires, Paidos,1977.

CALLIERI, B. (2007). Corpo Esistenze Mondi. Per una psicopatologia antropologica. Roma: Edizioni Universitarie Romane.

FENICHEL, O. - Teoria psicanalítica das neuroses, RJ, Atheneu, 1981.

SAFRA, G. (2004). A po-ética na clínica contemporânea. Aparecida : Idéias e Letras.

SÉCHEHAYE, M. A. - Memórias de uma esquizofrênica. RJ, Nova Fronteira, 1950.
 

Clique para consultar os requisitos para PSC1322

Clique para consultar o oferecimento para PSC1322

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2021 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP