Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0122 - Atenção à Saúde da Comunidade I
Community Health I

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Anual
Ativação: 01/01/2013 Desativação:

Objetivos
Gerais:
- A disciplina Atenção à Saúde da Comunidade I tem como objetivo propiciar ao aluno do curso de Medicina o contato precoce com a comunidade e com famílias, permitindo-lhes conhecer a população: perceber os problemas de saúde físicos, psicológicos, sociais e ambientais vivenciados pelos membros da comunidade e conhecer os diferentes equipamentos sociais e de saúde existentes; ampliar a concepção de saúde; conhecer a rede de serviços do sistema público de saúde local e ir aproximando-o de seu objeto de trabalho.
- A disciplina visa à integração teoria-prática em cenários reais, com ênfase na inserção do estudante no cenário de uma Unidade de Saúde da Família (UFS)/Unidade Básica de Saúde (UBS) do Distrito Saúde Oeste (USP) na qual será estimulado o desenvolvimento de capacidades relacionadas: ao cuidado à comunidade, à família e ao indivíduo; e, à educação em saúde na interação com pacientes, familiares, trabalhadores dos serviços e a comunidade.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2087262 - Aldaísa Cassanho Forster
1031998 - João Mazzoncini de Azevedo Marques
 
Programa Resumido
- Apresentação da disciplina - 1 período
- Sistema de saúde: local, regional e nacional - 2 períodos
- Redes de Saúde. Atenção Básica e Estratégias de Saúde da Família - 2 períodos
- Necessidades sociais de saúde e seus determinantes: paradigma holístico - 2 períodos
- Prova e auto-avaliação semestral - 1 período

ASC I - 2º semestre 2013
- Tema de promoção da saúde e auto-cuidado: álcool e drogas - 1 período
- Tema de promoção da saúde: semana da amamentação - 1 período
- Tema de promoção da saúde: espiritualidade na saúde - 1 período
- Tema de promoção da saúde: tabagismo - 1 período
- Tema de promoção da saúde: hipertensão arterial - 2 períodos

Prova e auto-avaliação semestral - 1 período
 
 
 
Programa
- SUS - A percepção dos profissionais de saúde e dos usuários do Sistema Único de Saúde nos diferentes pontos do sistema. Questões para debate, acessos múltiplos, integralidade e participação social. Visão evolutiva da organização, disponibilização de recursos e insumos, e regulação do sistema.
- Redes de Atenção à Saúde. A AB/ESF como organizadora do sistema de saúde.
- Relatório Lalonde, APS e as cartas de promoção da saúde. "Século XXI - O século da promoção à saúde". Como as equipes da AB/SF conhecem as necessidades de sua população adscrita e organizam atividades de intervenção. Programas oficiais da rede municipal, regional e nacional. iniciativas da comunidade e ONG.
- Promoção da saúde 1 - Instrumento de diagnóstico, abordagem de intervenção na ESF e a formação dos profissionais. A situação do problema e experiência do grupo PAI-PAD na região de Ribeirão Preto.
- Promoção da saúde 2 - A importância do aleitamento materno para a saúde da mulher e da criança.
- Promoção da saúde 3 - Espiritualidade na saúde.
- Promoção da saúde 4 - Tabagismo na abordagem das equipes de SF. Protocolos clínicos e de regulação.
- Promoção da saúde 5 - Hipertensão arterial na abordagem das equipes de SF. Protocolos clínicos e de regulação.
 
 
 
Avaliação
     
Método
A Avaliação de Acompanhamento ou Formativa refere-se à Assiduidade; Participação; Postura; Responsabilidade do estudante nas atividades desenvolvidas nas TJBS-USF durante acompanhamento contínuo pelo tutor - peso: 3
Participação nos trabalhos e apresentações — peso 2 Prova individual escrita — peso 5
A avaliação será realizada ao final de cada semestre com caráter formativo nas duas oportunidades.
Critério
- Média final da disciplina calculada de acordo com os pesos estabelecidos.
- Será considerado aprovado o estudante que obtiver média final igual ou superior a 5 (cinco) e presença igual ou superior a 70%.
Norma de Recuperação
- Estudantes com média final inferior a 5 (cinco) e superior a 3 (três), desde que tenham presença igual ou superior a 70% das atividades, poderão realizar a recuperação, que constará de prova de avaliação estabelecida pela coordenação da disciplina A nota final da aprovação corresponderá a nota desta prova mais a nota do curso regular, dividida por 2, que deverá se igual ou superior 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção á Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política nacional de atenção básica/Ministério da saúde. — Brasilia (DF): Ministério da Saúde, 2006.
- Silva M.J.P. Comunicação tem remédio. A comunicação nas relações interpessoais em saúde. São Paulo: Edições Loyola, 4 edição, 2006.
- Duncan BB, Schmidt M.l., Giugliani ER e colaboradores. Medicina Ambulatorial: Condutas Clínicas em Atenção Primária Porto Alegre: Artes Médicas, 1999.
- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção á Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política Nacional de Promoção da Saúde//Ministério da saúde. — Brasília (DF): Ministério da Saúde, 2006.
- Forster AC, Manos ATR, Silva AS. Manual da Atenção à saúde da Comunidade 1. Ribeirão Preto (SP), FMRP-USP, 2011.
- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Cadernos de Atenção Básica 12, 14, 15, 23 e 24. — Brasília (DF): Ministério da Saúde, 2006 - 2010.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0122

Clique para consultar o oferecimento para RCG0122

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP