Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0290 - Patogênese de Infecções Virais
Pathogenesis of viral infection

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2012 Desativação:

Objetivos
Analisar, comparar e sistematizar padrões de infecções virais humanas, segundo sua evolução e desfecho, com base em mecanismos moleculares e celulares que desencadeiam dano tissular, ou que regulam persistência e latência de vírus humanos. Serão estudados exemplos de doenças virais de destaque em medicina, distribuídas em modelos de infecções agudas, persistentes, latentes e transformantes. Serão enfatizados métodos laboratoriais de pesquisa em patogênese viral.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2260147 - Eurico de Arruda Neto
 
Programa Resumido
Relação vírus-célula e vírus-hospedeiro; modelos de infecções virais líticas agudas; modelos de infecções virais persistentes; infecções virais latentes; vírus transformantes; e métodos de pesquisa em patogênese viral.
 
 
 
Programa
1: Relação vírus-célula e vírus-hospedeiro: serão revisados os principais mecanismos envolvidos na relação de vírus humanos com células infectadas, incluindo interação com receptor, entrada, tráfego intracelular, indução de apoptose, autofagia, interações com vias da imunidade inata e adaptativa.
2: Infecções virais agudas: serão analisados em detalhe modelos de infecções virais humanas agudas líticas, usando como exemplos infecções por vírus respiratórios, vírus dengue, norovírus e rotavírus.
3: Infecções virais persistentes: serão analisados modelos de infecções virais humanas persistentes, tendo como exemplo as causadas por vírus de hepatites B e C, vírus da imunodeficiência humana (HIV), poliomavírus JC e BK, vírus de sarampo e enterovírus.
4: Infecções virais latentes: serão analisados modelos selecionados de infecções virais humanas latentes, incluindo as causadas por herpes simplex, varicela-zoster, Epstein-Barr (EBV) e citomegalovírus (CMV).
5: Infecções virais transformantes: serão analisados modelos selecionados de infecções por vírus oncogênicos, com base nos exemplos de HTLV-1 e -2, e papilomavírus (HPV).
6: Métodos de pesquisa em patogênese viral: ao longo da disciplina serão estudados exemplos de métodos de investigação em patogênese viral, com visita ao laboratório e demonstração/execução de métodos laboratoriais quando apropriado.
 
 
 
Avaliação
     
Método
: 1-Aulas expositivas; 2-Estudos de artigos científicos; 3-Palestras de convidados; 4-Discussões de temas selecionados; 5-Estudos de Podcasts e vídeos; 5-Estudos de lâminas de histopatologia; 5-Aula prática demonstrativa no laboratório.
Critério
- Provas escrita e oral, relatório individual sobre um aula prática ou sobre um estudo de caso.
Norma de Recuperação
Estudantes com média final inferior a 5 (cinco) e superior a 3 (três), desde que tenham presença superior a 70% das atividades, poderão realizar a recuperação, que constará de prova escrita. A nota final corresponderá à nota desta prova, mais a nota do curso regular, dividida por 2, e deverá se igual ou superior 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
1. Flint SJ, Enquist LW, Racaniello VR, Skalka AM. Principles of Virology (3rd ed), ASM Press, 2009.
2. Nathanson N. Viral pathogenesis and immunity (2nd ed), Academic Press, 2007.
3. Kumar V, Abbas AK, Fausto N, Aster J (8th ed), Robbins’ Pathologic Basis of Disease, Saunders, 2010.
4. Knipe DM, Howley PM. Fields Virology (5th ed), Lippincott Williams & Wilkins, 2007.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0290

Clique para consultar o oferecimento para RCG0290

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP