Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0295 - Fitoterápicos e Fitofármacos no Tratamento dos Transtornos Neuropsiquiátricos
Phytomedicines for the treatment of neuropsychiatry disorders

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2016 Desativação:

Objetivos
O Objetivo da disciplina será discutir os diferentes aspectos farmacológicos e toxicológicos de fitofármacos (tais como o Hypericum -a erva de São João, o Canabidiol, a valeriana etc) no tratamento de transtornos neuropsiquiátricos. Ainda, serão abordados temas relacionados a pesquisa de fitofármacos e sua utilização no Brasil (legislação, aspectos de políticas do SUS e ANVISA).
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
5603082 - Alline Cristina de Campos
 
Programa Resumido
Apresentação dos aspectos básicos da pesquisa e desenvolvimento de fitofármacos e fitoterápicos. Discussão de evidencias científicas dos efeitos fitofármacos nos transtornos neuropsiquiátricos comparando seus com fármacos de primeira linha sempre que possível. Apresentar aspectos básicos da legislação sobre a pesquisa e prescrição de fitofármacos no Brasil, discutindo, por exemplo, o caso recente do Canabidiol.
 
 
 
Programa
1- Fitoterápicos e fitofármacos: aspectos gerais 2- Pesquisa em fitofarmacologia. 3-Fitofarmacos utilizados nos transtornos de ansiedade. 4- Fitofármacos utilizados nos transtornos afetivos. 5- Fitofármacos utilizados transtornos neurológicos e neurodegenerativos. 6- Fitoterápicos e fitofármacos no tratamento dos transtornos neuropsiquiátricos no Brasil 7- Fitoterápicos no SUS: Políticas Públicas em Plantas Medicinais e Fitoterápicos 7-. Fitoterápicos no SUS: O Programa de Pesquisas de Plantas Medicinais da Central de Medicamentos 8- A experiência do Canabidiol.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Apresentação de seminários e casos clínicos.
Critério
Nnota maior ou igual a 5,0 e 70% de frequência.
Norma de Recuperação
Avaliação final de recuperação, sendo que a nota obtida será somada a média obtida pelo aluno no período normal de disciplina e dividida por 2 para a obtenção da média final.
 
Bibliografia
     
• SARRIS et al. (2013). CNS Drugs; 27:301-319. • SARRIS (2007). Phytotherapy reserach, 21:703-716. • ROSS (2014). Holist. Nurs. Pract.; 28(4): 275-280. • CAMPOS et al., (2012) Philos. Trans. R. Soc. Lond. B. Biol. Sci.; 367(1607): 3364-78. • http://www.brasil.gov.br/saude/2015/01/anvisa-aprova-uso-do-canabidiol-como-medicamento. • BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Assistência Farmacêutica. A fitoterapia no SUS e o Programa de Pesquisa de Plantas Medicinais da Central de Medicamentos / Ministério da Saúde, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, Departamento de Assistência Farmacêutica. – Brasília : Ministério da Saúde, 2006.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0295

Clique para consultar o oferecimento para RCG0295

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP