Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0327 - Afecções do Sistema Gênito Urinário
Disorders of the Genitourinary Tract

Créditos Aula: 6
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 90 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2010 Desativação:

Objetivos
Capacitar o aluno a reconhecer as alterações da normalidade e as doenças mais frequentes dos rins e do trato genito-urinário, bem como descrever o tratamento clínico e cirúrgico indicado nas condições mais frequentes.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
64259 - Marcio Dantas
 
Programa Resumido
1 Fazer observação clínica e exame físico dos pacientes portadores das afecções relacionadas ao sistema gênito-urinário e elaborar diagnósticos;
2) Discernir quais os exames complementares necessários para a investigação do caso;
3) Conhecer avaliação laboratorial do rim e valores normais
4) Síndrome nefrótica e nefrítica: definição, etiologia, quadro clínico, fisiopatologia, complicações e tratamentos.
5) Infecção urinária: conhecer o diagnóstico, tratamento e profilaxia; discutir sobre etiologia, fisiopatologia, diagnóstico e tratamento da tuberculose gênito-urinária.
6) Diagnósticos diferenciais da cólica nefrética. Diagnosticar litíase urinária; reconhecer os prováveis fatores etiológicos. Classificação quanto ao tipo de cálculo e quanto à anormalidade metabólica; conhecer a fisiopatologia da formação dos cálculos; prevenção e tratamentos clínicos e cirúrgicos.
7) Diagnosticar a obstrução urinária, suas causas, complicações e propor tratamento.
8) Traumatismo urogenital; diagnóstico diferencial e tratamento.
9) Glomerulopatias: classificação, mecanismos de lesão glomerular; quadro clínico-laboratorial, etiopatogenia, diagnósticos diferenciais, evolução e terapêutica das glomerulopatias primárias. Conhecer as principais causas de glomerulopatias secundárias.
10) Insuficiência renal aguda (IRA): definição, etiologia, classificações, diagnósticos diferenciais, fisiopatologia, quadro clínico e laboratorial. Conhecer medidas profiláticas, tratamento e prognóstico.
11) Discutir mecanismos de progressão da doença renal.
12) Insuficiência renal crônica: conceituar e conhecer quadro clínico e fisiopatologia da excreção de sódio, água, potássio, hidrogênio, cálcio e fósforo, moléculas médias e macromoléculas. Discutir sobre osteodistrofia renal, hiperparatireoidismo secundário, anemia, alterações metabólicas e nutricionais da IRC. Abordagem terapêutica da IRC. Conhecer quadro clínico da uremia e propor tratamento.
13) Definir infertilidade e esterilidade; conhecer as causas conjugais, realizar o algoritmo diagnóstico no homem e indicar tratamentos.
14) Conhecer as causas de impotência sexual, exames necessários para diagnóstico e definir tratamentos.
15) Identificar as disfunções vésico-ureterais, causas, propor exames diagnósticos e indicar o tratamento.
16) Diagnosticar tumores renais em crianças e adultos, bem como conhecer o estadiamento e definir de forma genérica o tratamento.
17) Diagnosticar tumores do epitélio do trato urinário, conhecer o estadiamento e definir de uma forma genérica o tratamento.
18) Diagnosticar a hiperplasia benigna da próstata, conhecer implicações funcionais e tratamentos.
19) Diagnosticar o câncer da próstata: estadiamento e definir de forma genérica os tipos de tratamentos.
20) Diagnosticar as afecções malignas e benignas do testículo e bolsa escrotal, e propor tratamentos.
21) Diagnosticar e diferenciar as doenças malignas e benignas do pênis e uretra.
22) Hipertensão arterial: definição, classificação, técnicas para medir pressão arterial e seus valores normais; conhecer a etiopatogenia e fisiopatologia da hipertensão arterial essencial. Epidemiologia, quadro clínico-laboratorial, lesões em órgãos alvos. Discutir investigação laboratorial. Abordagens não farmacológicas e tratamento farmacológico. Classificação da HA secundária e diagnóstico diferencial. Crise Hipertensiva: conceito, classificação, etiologia, manifestações clínicas e tratamento.
23) Diuréticos: classificação, mecanismos de ação; indicações clínicas; efeitos colaterais; contra-indicações e causas de refratariedade às suas ações.
24) Nefropatias túbulo-intersticiais: conceito, classificação, quadro clínico e laboratorial, diagnóstico diferencial, etiologia, tratamento.
25) Nefropatia diabética: manifestações clínico-laboratorias, etiopatogenia, terapêutica e profilaxia.
26) Vasculites e nefropatias: classificação e quadro clínico-laboratorial; diagnóstico diferencial.
27) Síndrome hemolítico-urêmico e púrpura-trombótica trombocitopênica: conceituação, etiologia, diagnóstico diferencial, quadro clínico e laboratorial, tratamento e prognóstico.
28) Desequilíbrios hidro-eletrolítico e ácido-básico: discutir o envolvimento renal e tratamento nas desidratações, hiper-hidratações, hipernatremia, hiponatremia, hiperpotassemia, hipopotassemia, acidose metabólica e respiratória, alcalose metabólica e respiratória.
29) Doenças renais hereditárias: síndrome de Alport, doença de membrana fina, doenças císticas renais.
30) Identificar as malformações congênitas do trato urogenital e discorrer sobre o diagnóstico, fisiopatologia, etiologia e tratamento.
31) Tratamento dialítico: princípios, modalidades, indicações, complicações, sobrevida.
32) Transplante renal: noções de histocompatibilidade, tipos de doadores, indicações, complicações clínicas e cirúrgicas, noções de imunossupressão e sobrevida.
 
 
 
Programa
- Propedêutica funcional do rim; Proteinúria; hematúria;- Síndrome nefrótica; Síndrome nefrítica; Glomerulopatias;- Insuficiência renal aguda; Doença renal progressiva; Insuficiência renal crônica; uremia; Obstruções do trato urinário; Infecção urinária; Litíase urinária; Diuréticos; Nefropatia diabética;- Vascutites e nefropatia; Tratamento dialítico; Transplante renal; Nefropatias tubulo-intersticiais; Doenças císticas renais; Hipertensão arterial (primária e secundária); Crise hipertensiva; Doenças hereditárias do trato urinário; Hiperplasia prostática benigna; Síndrome hemolítico-urêmico e púrpura trombótica trombocitopênica;- Desequilíbrio hidro-eletrolítico e ácido-básico. Tumores renais, testiculares, do epitélio de transição do trato urinário, do pênis, uretra e próstata.
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Aulas expositivas
- Debates e discussões orientadas
- Acompanhamento de atendimento a pacientes em ambulatórios especializados
- Treinamento de anamnese e exame físico com pacientes internados
- Discussão integrada entre patologia renal, fisiologia renal e nefrologia clínica com apresentação de biópsias renais.
- Apresentação de vídeos
-Discussão de Imagens em urologia
Critério
- Relatórios individuais de casos clínicos
- Prova escrita
Norma de Recuperação
Estudantes com média final inferior a 5 (cinco) e superior a 3 (três), desde que tenham presença superior a 70% das atividades, poderão realizar a recuperação, que constará de prova de avaliação. A nota final da aprovação corresponderá a nota desta prova que deverá se igual ou superior 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
1) Cecil/Tratado de Medicina Interna, LEE GOLDMAN & DENNIS AUSIELLO editores, 22º edição; São Paulo, Ed. Elsevier, 2005;
2) BRAUNWALD, EUGENE; FAUCI, ANTHONY S.; HAUSER, STEPHEN L.; LONGO, DAN L.; KASPER, DENNIS L.; JAMESON, J. LARRY. Harrison/Princípios de Medicina Interna, 17º edição, Ed MCGRAW-HILL INTERAMERICANA, 2009;
3) V Diretriz Brasileira para Hipertensão Arterial; 2006 - Sociedade Brasileira de Nefrologia.: http://www.sbn.org.br
4) RIELLA, MC.: Princípios de Nefrologia e Distúrbios Hidroeletrolíticos, 4º edição; Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 2003. ISBN: 8527708302;
5) BENDHACK, DA & DAMIÃO, R.: Guia Prático de Urologia, 2º edição, BG Cultural, 2003.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0327

Clique para consultar o oferecimento para RCG0327

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP