Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0387 - Neurofarmacologia
Neuropharmacology

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2015 Desativação:

Objetivos
Gerais: Introduzir aos alunos novos métodos para o estudo do sistema nervoso, utilizando técnicas clássicas de neuropsicofarmacologia, com enfoque no controle da dor e na elaboração do comportamento.

Específicos:
a) Estudar o efeito de drogas que agem no controle do comportamento que tem sido relacionado à ansiedade, ao medo e ao pânico, utilizando novos modelos experimentais de ataques de pânico e de estresse pós-traumático;
b) Estudar o efeito de drogas que agem no controle da dor e que interferem na comorbidade entre dor neuropática, estresse e pânico em modelos de confronto entre animais d elaboratório e serpentes peçonhentas e constricoras brasileiras;
c) as bases neurais e os neurotransmissores envolvidos com a elaboração da antinocicepção pós-ictal;
d) Estudar as bases neurais e os neurotransmissores envolvidos com a elaboração da antinocicepção induzida pela ingesta de substâncias doces;
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
65890 - Norberto Cysne Coimbra
 
Programa Resumido
Inicialmente, serão apresentados modelos comportamentais clássicos e inovadores para o estudo do sistema nervoso central e do comportamento. Em seguida, serão discutidas as principais linhas de pesquisa do LNN-FMRP-USP, mencionando nossas contribuições mais relevantes. Por fim, os alunos receberão palestras sobre tópicos avançados em neurofarmacologia dentro do escopo do presente curso. Concomitantemente, os alunos, divididos em grupos de cinco estudantes, desenvolverão projetos curtos, utilizando a metodologia apresentada no início do curso, para a sedimentação das informações ministradas ao longo do curso.
 
 
 
Programa
10. Programa completo:

(segunda-feira):
–Manhã (8 às 11h) –Reunião e Apresentação do Curso. Visita ao Laboratório de Neuroanatomia e Neuropsicobiologia do Departamento de Farmacologia da FMRP-USP. Abordagem de algumas técnicas de estudo do encéfalo e comportamento.
–Manhã (11 às 12h) –Divisão de Trabalhos.
–Tarde (14 às 15h) – Teórica 1: Estudo das Vias Córtico-neoestriado-nigro-tectais e as Emoções por Meio de Técnicas interdisciplinares: Neuroanatomia Funcional Clássica, Tractografia por Tensão de Difusão e Psiconeurofarmacologia.
–Tarde (15 às 18h) –Experimento 1: Caracterização das Respostas Defensivas Organizadas pelo Hipotálamo Medial e pela Substância Cinzenta Periaquedutal Dorsal em uma nova arena poligonal complexa, munida com toca artificial, plataformas elevadas e obstáculos para o estudo de respostas de fuga explosivas e direcionadas para abrigo.

(terça-feira):
–Manhã (8-11h): Teórica 2: Bases Neurofarmacológicas da Antinocicepção induzida pelo medo: Papel de Receptores Endocanabinoides, Glutamatérgicos, e Monoaminérgicos na Antinocicepção Induzida pelo Medo Inato.
Manhã (11-12h): Período de Estudos.

–Tarde (14 às 15h) –Período de Estudos.
–Tarde (15 às 18h) –Experimento 2: Confronto entre Camundongos e Serpentes da Espécie Bothrops alternatus no Labirinto Complexo: Efeito do Pré-tratamento de roedores com Agomelatina ou Canabidiol por Via Periférica e Central sobre as Respostas Defensivas e Antinociceptivas Induzidas por Ataques de Pânico.


(quarta-feira):
–Manhã (9-10h): Teórica 3: Bases Neurofarmacológicas da Antinocicepção/Analgesia-Induzida pela Ingestão de Substâncias Adocicadas: Abordagem dos Sistemas Opioide, Serotoninérgico e Noradrenérgico.
Manhã (10-12h) Experimento 3: Estudo dos Processos Antinociceptivos Induzidos pela Ingestão de Substância Doces no Homem e no Animal de Laboratório.

–Tarde (14 às 18h) –Seminários.

(quinta-feira):
–Manhã (9-12h): Teórica 4: Farmacologia do Período Pós-ictal: Papel do Sistema Opioide, Serotoninérgico, Colinérgico.

–Tarde (14 às 18h) –Seminários.



(sexta-feira):

––Manhã (9 às 10h) –Teórica 5: Neurofarmacologia das Respostas de Defesa Evocadas por Roedores Submetidos ao Modelo de Dor Neuropática e ao Confronto com a Serpente Coral Verdadeira Micrurus frontalis em um Novo Modelo Experimental de Ataques de Pânico e de Estresse Pós-Traumático.

Manhã (10 às 12h) –Debate: Princípios Éticos no Estudo da Dor e do Comportamento de Defesa.

Tarde –Mesa Redonda e Brainstorming: Neurociências Integradas
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Relatórios individuais
- Autoavaliação
Critério
- Média final da disciplina calculada de acordo com os pesos estabelecidos pela coordenação da disciplina para cada método de avaliação indicado.
- Será considerado aprovado o estudante que obtiver média final igual ou superior a 5 (cinco) e presença igual ou superior a 70%
Norma de Recuperação
- Estudantes com média final inferior a 5 (cinco) e superior a 3 (três), desde que tenham presença igual ou superior a 70% das atividades, poderão realizar a recuperação, que constará de prova de avaliação estabelecida pela coordenação da disciplina. A nota final da aprovação corresponderá a nota desta prova mais a nota do curso regular, dividida por 2, que deverá se igual ou superior 5 (cinco).
 
Bibliografia
     
Involvement of prelimbic medial prefrontal cortex in panic-like elaborated defensive behaviour and innate fear-induced antinociception elicited by GABAA receptor blockade in the dorsomedial and ventromedial hypothalamic nuclei: role of the endocannabinoid CB1 receptor.
Freitas RL, Salgado-Rohner CJ, Hallak JE, Crippa JA, Coimbra NC.
Int J Neuropsychopharmacol. 2013 Sep;16(8):1781-98.

Chemical neuroanatomical and psychopharmacological evidence that κ receptor-mediated endogenous opioid peptide neurotransmission in the dorsal and ventral mesencephalon modulates panic-like behaviour.
da Silva JA, de Freitas RL, Eichenberger GC, Padovan CM, Coimbra NC.
Eur J Pharmacol. 2013 Jan 5;698(1-3):235-45.

NMDA and AMPA/Kainate Glutamatergic Receptors in the Prelimbic Medial Prefrontal Cortex Modulate the Elaborated Defensive Behavior and Innate Fear-Induced Antinociception Elicited by GABAA Receptor Blockade in the Medial Hypothalamus.
de Freitas RL, Salgado-Rohner CJ, Biagioni AF, Medeiros P, Hallak JE, Crippa JA, Coimbra NC.
Cereb Cortex. 2013 Mar 7. [Epub ahead of print]

Serotonergic neural links from the dorsal raphe nucleus modulate defensive behaviours organised by the dorsomedial hypothalamus and the elaboration of fear-induced antinociception via locus coeruleus pathways.
Biagioni AF, de Freitas RL, da Silva JA, de Oliveira RC, de Oliveira R, Alves VM, Coimbra NC.
Neuropharmacology. 2013 Apr;67:379-94.

Anti-aversive effects of cannabidiol on innate fear-induced behaviors evoked by an ethological model of panic attacks based on a prey vs the wild snake Epicrates cenchria crassus confrontation paradigm.
Uribe-Mariño A, Francisco A, Castiblanco-Urbina MA, Twardowschy A, Salgado-Rohner CJ, Crippa JA, Hallak JE, Zuardi AW, Coimbra NC.
Neuropsychopharmacology. 2012 Jan;37(2):412-21.

Cellular prion protein modulates defensive attention and innate fear-induced behaviour evoked in transgenic mice submitted to an agonistic encounter with the tropical coral snake Oxyrhopus guibei.
Lobão-Soares B, Walz R, Prediger RD, Freitas RL, Calvo F, Bianchin MM, Leite JP, Landemberger MC, Coimbra NC.
Behav Brain Res. 2008 Dec 12;194(2):129-37.



Topographic and functional neuroanatomical study of GABAergic disinhibitory striatum-nigral inputs and inhibitory nigrocollicular pathways: neural hodology recruiting the substantia nigra, pars reticulata, for the modulation of the neural activity in the inferior colliculus involved with panic-like emotions.
Castellan-Baldan L, da Costa Kawasaki M, Ribeiro SJ, Calvo F, Corrêa VM, Coimbra NC.
J Chem Neuroanat. 2006 Aug;32(1):1-27.


Effect of the blockade of mu1-opioid and 5HT2A-serotonergic/alpha1-noradrenergic receptors on sweet-substance-induced analgesia.
Rebouças EC, Segato EN, Kishi R, Freitas RL, Savoldi M, Morato S, Coimbra NC.
Psychopharmacology (Berl). 2005 May;179(2):349-55.


Acetylcholine-mediated neurotransmission within the nucleus raphe magnus exerts a key role in the organization of both interictal and postictal antinociception.
de Oliveira RC, de Oliveira R, Zanandréa PC, Paschoalin-Maurin T, Coimbra NC.
Epilepsy Behav. 2011 Oct;22(2):178-85.


5-HT1A/1B, 5-HT6, and 5-HT7 serotonergic receptors recruitment in tonic-clonic seizure-induced antinociception: role of dorsal raphe nucleus.
Freitas RL, Ferreira CM, Urbina MA, Mariño AU, Carvalho AD, Butera G, de Oliveira AM, Coimbra NC.
Exp Neurol. 2009 May;217(1):16-24.


Intrinsic neural circuits between dorsal midbrain neurons that control fear-induced responses and seizure activity and nuclei of the pain inhibitory system elaborating postictal antinociceptive processes: a functional neuroanatomical and neuropharmacological study.
Freitas RL, Ferreira CM, Ribeiro SJ, Carvalho AD, Elias-Filho DH, Garcia-Cairasco N, Coimbra NC.
Exp Neurol. 2005 Feb;191(2):225-42.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0387

Clique para consultar o oferecimento para RCG0387

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP