Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Disciplinas Interdepartamentais
 
Disciplina: RCG0396 - A Deficiência Auditiva na Infância: Dos Fatores de Risco à Intervenção Multidisciplinar
The Hearing Loss in Children: from risk factors up to the multidisciplinary intervention.

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 15/07/2015 Desativação:

Objetivos
Abordar o desenvolvimento auditivo e da aquisição de fala e linguagem da criança ouvinte. Conceituar a deficiência auditiva, sua prevalência e causas. Informar sobre a triagem auditiva neonatal e a obrigatoriedade legal de realização da mesma.

Abordar a problemática da criança com deficiência auditiva, suas relações familiares e as repercussões sobre a sua comunicação e o seu desenvolvimento.
Informar sobre os diferentes tipos de intervenção clínica e cirúrgica e sobre as abordagens educacionais disponíveis.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1282564 - Myriam de Lima Isaac
 
Programa Resumido
A disciplina pretende abordar a problemática da criança com deficiência auditiva e sua interferência no desenvolvimento linguístico e social.
Abordará a deficiência auditiva nos aspectos da prevalência, da etiologia, da fisiopatologia, do tratamento e do processo de reabilitação.
Além disso será propiciado, de forma sintética,o conhecimento sobre a existência da Língua Brasileira de Sinais, sua legalização como a segunda língua do país e suas indicações de aprendizado.
 
 
 
Programa
1) Desenvolvimento auditivo, da fala e linguagem na criança ouvinte, marcos principais.
2) Prevalência da deficiência auditiva.
3) Causas ambientais e genéticas de perda auditiva.
4) Triagem Auditiva Neonatal.
5) Diagnóstico clínico e audiológico.
6) A criança surda e sua interação com a família
7) Tipos de intervenções clínico-cirúrgicas. Ambientes educacionais e métodos.
8) Língua Brasileira de Sinais: o que é , quando indicar e porquê. Legislação.
 
 
 
Avaliação
     
Método
• aulas teóricas convencionais, discussão de casos clínicos e seminários. Participação nos ambulatórios de Investigação e Reabilitação Auditiva e de Implante Coclear para a discussão de casos clínicos. Serão utilizados meios audiovisuais nas aulas teóricas. Serão distribuídos artigos de periódicos para o desenvolvimento dos seminários.
Critério
Frequência de 70% na disciplina. Participação nas atividades propostas e uma prova escrita com perguntas e análise de casos clínicos
Norma de Recuperação
não se aplica
 
Bibliografia
     
BRASIL 2002. Lei no10436/02-Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais-LIBRAS- e dá outras providências. Página da Legislação-Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão. Página do (SECADI) do http://portal.mec.gov.br, acessado em 21 de janeiro de 2013.

BRASIL 2005. Decreto no 5626/05-Regulamenta a lei 10.436/02 que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais-LIBRAS. Página da Legislação-Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI) do http://portal.mec.gov.br, acessado em 21 de janeiro de 2013.

BRASIL 2008. Decreto Legislativo no186 de 9/07/08 - Aprova o texto da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e de seu Protocolo Facultativo, assinados em Nova Yorque em 30 de março de 2007. Página da Legislação-Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão. (SECADI) do http://portal.mec.gov.br, acessado em 21 de janeiro de 2013.

BRASIL 2009. Decreto no6949 de 25/08/09- Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo assinado em Nova Yorque em 30/03/2007. Página da Legislação- Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI) do http://portal.mec.gov.br,acessado em 21 de janeiro de 2013.

BRASIL 2011. Decreto no7611 de 17/11/2011- Dispõe sobre a Educação Especial, o atendimento educacional especializado e dá outra providências. Página da Legislação- Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI) do http://portal.mec.gov.br, acessado em 21 de janeiro de 2013.

CALDAS NETO,S e col (org).Tratado de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico –Facial,Rocca, São Paulo, 2011,volume 2.

CAPOVILLA, F.C. Filosofias educacionais em surdez: Oralismo, Comunicação Total e Bilingüismo. Ciência cognitiva: Teoria, Pesquisa e Aplicação. São Paulo. 1997.v.1, n. 2, p. 561-88.


FERREIRA, L.P.; BEFI-LOPES, D.M.; LIMONGI, S.C.O. Tratado de Fonoaudiologia. São Paulo: Roca, p.494-511, 2004.

GOLDFELD, MA. A Criança Surda: A Linguagem numa perspectiva sócio-interacionista. 2º Ed. SP. Plexus, 2002.

ISAAC, Myriam de Lima; MANFREDI, AKM.Diagnóstico Precoce da Surdez na Infância.Revista Medicina(USP,FMRP), 2005, v.38, p:235-244.

ISAAC, Myriam de Lima; VALADÃO, MN. Aspectos históricos da Educação e Re(Habilitação dos surdos.In: Tratado de Implante Coclear e Próteses Auditivas Implantáveis. Ricardo Ferreira Bento , Luiz Rodolpho Penna Lima Jr,Robinson Koji Tsuji,Maria Valéria Schimidt Goffi-Gomez, Danielle do Valle Penna Lima, Rubens Brito (org).Thieme, Rio de Janeiro.2014,p:8-15.


HUNGRIA, H. Otorrinolaringologia, 6ed., Rio de Janeiro, Guanabara, 1991.

LOPES FILHO, O.(ed) Tratado de Fonoaudiologia, Ribeirão Preto, Tecmedd, 2005.

MUSIEK, F.E.; RINTELMANN, W.F. Perspectivas Atuais em Avaliação Auditiva. São Paulo: Manole, 2001.

NORTHERN, J.L.; DOWNS, M. Audição em crianças. 3ed. São Paulo: Manole, 1989.

RICARDO FERREIRA BENTO,RUBENS DE BRITO VUONO,LUIZ RODOLPHO PENNA LIMA JÚNIOR,ROBINSON KOJI TSUJI MARIA VALÉRIA SCHMIDTGOFFI-GOMEZ,DANIELLE DO VALLE SILVA PENNA LIMA (ed). Tratado de Implante Coclear e Próteses Auditivas Implantáveis. 2014. Ed. Thieme. 482 p. ISBN: 9788567661025

RUSSO, I.C.P.; SANTOS, T. M. M. Audiologia infantil, São Paulo: Cortez, 1994.

SACKS, O. Vendo vozes: Uma viagem ao mundo dos surdos : Tradução : Laura Teixeira Motta São Paulo: Companhia das Letras, 1988. 196 p.

VYGOTSKY, L. S. Obras Escogidas V. Fundamentos de defectologia. Tradução de Julio Guillermo Blank. Madrid: Visor, 1997. 391 p.
 

Clique para consultar os requisitos para RCG0396

Clique para consultar o oferecimento para RCG0396

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2018 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP