Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Discipinas Interdepartamentais de Propedêutica da FMRP
 
Disciplina: RFM0007 - Princípios de Saúde Pública
Principles of Public Health

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 45 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2008 Desativação:

Objetivos
- Introduzir ao aluno os conceitos de modelos assistenciais de saúde, do processo saúde-doença na visão das ciências sociais, da estrutura organizacional do sistema de saúde, das normas operacionais, e das diretrizes governamentais. Familiarizar o aluno com a forma de financiamento e de planejamento na área de saúde. Compreender a importância do saneamento básico e seu impacto sobre a saúde do indivíduo e de coletividades.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1031998 - João Mazzoncini de Azevedo Marques
 
Programa Resumido
- Processo saúde-doença e níveis de prevenção.
- População e Situação de Saúde no Brasil - Indicadores da Assistência.
- Modelos de Assistência à Saúde e Sistemas de Assistência Médica no Brasil.
- Políticas de Saúde. Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios e desenvolvimento histórico
- SUS – Regionalização, Financiamento, Participação Popular e Controle Social
- SUS – Pacto pela Saúde (Portaria 399/2006)
- Planejamento em Saúde;
- Saneamento básico e ambiental.
- Visita ao Centro de Saúde Escola e Núcleo de Saúde da Família.
 
 
 
Programa
- Processo saúde-doença - visão das ciências sociais;
- Modelos de assistência à saúde;
- Serviços de Saúde no Brasil;
- Sistema Único de Saúde;
- Descentralização e Municipalização;
- NOB 96. NOAS-2001;
- Financiamento em Saúde;
- Planejamento em Saúde;
- Saneamento básico e ambiental;
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Aulas teóricas presenciais e não presenciais;
- Visita em campo;
- Seminários.
Critério
O Módulo de Princípios de Saúde Pública propõe atividades de estudo/discussão acerca da saúde no Brasil, oferecendo apostilas e acesso a documentos oficiais. Esta atividade é realizada participando no Fórum de discussão, seguindo as atividades programadas no Calendário. A turma será dividida em 6 grupos Moderadores, com 4 ou 5 alunos, encarregados de apresentar em cada sessão uma síntese da discussão no Fórum. A reunião da síntese ocorrerá com presença obrigatória de todos e Coordenação do Grupo Moderador. Tanto no Fórum como nos relatórios é importante demonstrar: entendimento da matéria, capacidade de comparar, elaborar informações, pesquisar questões subjacentes, descobrir novos elementos (inclusive portais de informações), capacidade de análise da situação de saúde e de tirar conclusões de forma sintética.
A outra metade da nota provém do TRABALHO PRÁTICO; é o estudo, diário, de alguns aspectos da atenção básica à saúde num município da escolha do aluno (lista de municípios em Material de Apoio), de preferência, aquele onde reside, ou onde pensaria um dia ir trabalhar. Os aspectos são os referentes aos eixos temáticos de cada dia: população e serviços de saúde, estrutura e organização do sistema municipal de saúde, financiamento e custos da assistência, sistemas de assistência à saúde, avaliação da assistência. Os relatórios do Trabalho Prático serão desenvolvidos seguindo o roteiro proposto em Atividades e deverão ser publicados no Portfólio do aluno. O Relatório deverá incluir dados quantitativos e qualitativos pesquisados, elaborados e analisados pelos alunos, com comentários próprios sobre a situação encontrada.
A nota final deverá ser a média ponderada dos itens anteriores.
Norma de Recuperação
O aluno será aprovado se apresentar ao final do semestre uma média igual ou superior a 5,0 (cinco) e no mínimo 70% de presença. A recuperação será aplicada aos alunos que tiverem no mínimo 70% de presença e será constituída de uma avaliação escrita, após estudo com a bibliografia indicada. A nota final, nestes casos, será a média aritmética da nota de recuperação e daquela obtida durante o semestre. O período de recuperação será conduzido dentro do prazo regimental, antes do início do próximo semestre letivo.
 
Bibliografia
     
BRASIL, Min. Saúde - Municipalização das Ações e Serviços de Saúde: A Ousadia de Cumprir e Fazer Cumprir a Lei - Saúde em Debate, Nº 38, março 1993.
Carvalho, G. I. & SANTOS, L. - Sistema Único de Saúde, Comentários à Lei Orgânica da Saúde - HUCITEC, S.P., 1992
DEVER, G. E. A. - A Epidemiologia na Administração dos Serviços de Saúde - Liv. Pioneira Edit., São Paulo, 1988.
LAPREGA, M.R. – Processo Saúde-Doença e Níveis de Prevenção. In Fundamentos de Epidemiologia. – Barueri, SP: Manole, 2005.
YAZLLE ROCHA, J. S. - Sistema Único de Saúde: Avaliação e Perspectivas, Saúde e Sociedade, 3(1): 3-10, 1994..
YAZLLE ROCHA, J. S. - Sistemas de Saúde e Problemas de Gestão - Apostila, 1996.
YAZLLE ROCHA, J.S. - Atenção à Saúde - Necessidades, Demanda e Utilização de Serviços - Apostila, 6 pág., DMS - FMRP, 1998.
 

Clique para consultar os requisitos para RFM0007

Clique para consultar o oferecimento para RFM0007

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP