Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
 
Discipinas Interdepartamentais de Nutrição e Metabolismo da FMRP
 
Disciplina: RNM4303 - Cálculo e Análise de Dieta para o Indivíduo
Calculation and Analysis of Individual diets

Créditos Aula: 3
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 75 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2018 Desativação:

Objetivos
Esta disciplina visa capacitar o aluno para realização de planejamento dietético, o que inclui: realizar o diagnóstico do consumo alimentar por meio de inquéritos alimentares; avaliação e planejamento de dietas de acordo com as necessidades nutricionais de macro e micronutrientes para indivíduos sadios, segundo as DRIs; conhecer os aspectos metodológicos envolvidos no uso de tabelas de composição de alimentos; construir e manejar lista de substituições de alimentos; construir cardápios e guias alimentares e aplicar índices de avaliação da qualidade da dieta.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
3363279 - Carla Barbosa Nonino
 
Programa Resumido
O objetivo desta disciplina é capacitar o aluno para analisar e planejar dietas de acordo com as necessidades nutricionais para indivíduos sadios. Capacitá-lo também para o planejamento e manejo de lista de substituições, cardápios e guias alimentares. Instrumentá-lo para colher informações sobre o consumo alimentar
 
 
 
Programa
Conceito de alimentação saudável. Guias alimentares – planejamento, validação e implantação. Modelos de guias alimentares. Guia alimentar brasileiro. Manejo de porções alimentares. Planejamento de cardápio. Inquéritos alimentares. Lista de substituição de alimentos. Alimentos Fontes. Recomendações nutricionais (DRIS): conceitos, método, energia, macronutrientes, micronutrientes, água. Tabelas de Composição de alimentos. Índices de qualidade da dieta. Programas informatizados de cálculo de consumo alimentar. Planejamento dietético: etapas.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Exercícios com estudos de caso, prova escrita, leitura e discussão de texto e seminários
Critério
Seminário, prova escrita e estudo de caso.
Norma de Recuperação
- Nova avaliação após período de estudo com a bibliografia indicada. Nota final igual à média entre a nota da recuperação e a nota anteriormente obtida na disciplina.
 
Bibliografia
     
1. Amaya-Farfan, J. Domene, S.A. e Padovani, R.M. DRI: Síntese comentada das novas propostas sobre recomendações nutricionais para antioxidantes. Revista de Nutrição, 14(1):71-78, 2001.
2. Arsenault, JE; Brown, KH. Zinc intake of US preschool children exceeds new dietary reference intakes. Am J Clin Nutr 2003; 78: 1011-7.
3. Bailey, LB. Folate and vitamin B12 recommended intakes and status in the United States. Nutrition Reviews 2004; 62(6): S14-S20.
4. Bailey, LB. New standard for dietary folate intake in pregnant women. Am J Clin Nutr 2000; 71(suppl): 1304S-7S.
5. Blanc, S et al. Energy requirements in the eighth decade of life. Am J Clin Nutr 2004; 79: 303-10.
6. Cervato, A.M.; Vieira, V.L. Indices dietéticos na avaliação da qualidade global da dieta. Revista de Nutrição, v. 16, n.3, p.347-355.
7. Cozzolino, S.M.F. Biodisponibilidade de nutrientes. São Paulo: Manole, 2005, 878.
8. DietWin, DietPró, DietSys
9. Domene, S.A. e Coelho, R.G. Interações nutricionais. In: Reis, N.T. Nutrição Clínica. Interações. Rio de Janeiro: Ed. Rubio, 2004. p. 367-392.
10. Dutra-de-Oliveira, J.E.; Moreira, E.A.; Portella, O.; Berezovsky, M.W. Normas e Guias Alimentares para a população brasileira. São Paulo: Instituto Danone, 2002.
11. ENDEF. Tabela de composição de alimentos.1996
12. Ferreira, K.S.; Gomes, J.C.; Bellato,C.R; Jordão, C.P. Concentrações de selênio em alimentos consumidos no Brasil. Rev. Panamericana de Salud Publica, vol11,n3, 172-177, 2002.
13. Fisberg, R. et al. Índice de qualidade da dieta: avaliação da adaptação e aplicabilidade. Revista de Nutrição, v.17, n.3, p. 301-308, 2004.
14. Fisberg, R.M.; Slater, B.; Marchioni, D.M.L. e Martini, L.A. Inquéritos alimentares. Métodos e bases científicas. São Paulo: Manole, 2005.
15. Horwitt, MK. Critique of the requirement for vitamin E. Am J Clin Nutr 2001; 73: 1003-5.
16. International Life Science Institute ILSI – Europe Concise monograph series. Estilos de vida saudáveis – nutrição e atividade física. São Paulo: ILSI Press, 2002. 58p.
17. International Life Science Institute ILSI. Usos e Aplicações das Dris (2001) http://www.unb.br/fs/dri/ilsi_dri.pdf
18. Manore, MM. Effect of physical activity on thiamine, riboflavin and vitamin B6 requirements. Am J Clin Nutr 2000; 72(suppl): 598S-606S.
19. Marchioni, D.M.L.; Slater, B.; Fisberg, R.M. Aplicação das Dietary Reference Intakes na avaliação da ingestão de nutrientes para indivíduos. Revista de Nutrição. 17(2) 207-216, 2004
20. McCance and Widdowson´s The composition of foods. United Kingdom: Maff, 1995
21. Ministério da Saúde. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos –TACO http://www.unicamp.br/nepa/taco/
22. Murphy, S. P. and Poos, M.I. Dietary reference Intake: summary of applications in dietary assessment. Public Health Nutrition 5(6A):843-9.2002.
23. NEPA – UNICAMP. Tabela brasileira de composição química de alimentos, 2004.
24. Organización Mundial de la Salud OMS. Documento de consulta para la preparación de una estratégia mundial sobre regime alimentario, actividad física y salud, 2003
25. Painter, J. Rah, J. e Lee, Y. Comparison of international food guide pictorial representations. Journal of the American Dietetic Association. 102(4):483-489, 2002.
26. Peña, M. e Palma, V.M. Guias de alimentación em América Latina. In: Instituto Danone. Alimentação equilibrada para a população brasileira. Florianópolis,1998 p.32-45.
27. Philippi, S.T., Latterza, A.R.; Cruz, A.T.R. Pirâmide Alimentar adaptada: guia para escolha de alimentos. Revista de Nutrição, 12(1):65-80, 1999.
28. Phillippi, S.T. Tabela de composição de alimentos: suporte para decisão nutricional. São Paulo: Anvisa, 2001
29. Ribeiro, P; Morais, T.B.; Colugnati, F.A.B.; Sigulem, D. Tabela de composição química de alimentos: análise comparativa com resultados laboratoriais. Revista de Saúde Pública, Vol.37, n. 2:216-225, 2003
30. Russel, RM. The aging process as a modifier of metabolism. Am J Clin Nutr 2000; 72(suppl): 529S-32S.
31. Tomita, L.Y; Cardoso, M. A. Avaliação da lista de alimentos e porções alimentares de Questionário Quantitativo de freqüência alimentar em população sadia. Cadernos de Saúde Pública, vol.18,n.6, 1747-1756, 2002.
32. Trabet, MG. Vitamin E: too much or not enough? Am J Clin Nutr 2001; 73: 997-8.
33. Trumbo, p.; Schlicker, S.;Allison, A.Y.; Poos, M. Dietary Reference Intakes for energy, carbohydrate, fiber, fat, fatty acids, cholesterol, protein and aminoacids. Journal of American Dietetic Association, vol102, n.11,: 1621-1630, 2002.
34. Vieiros, M. e Proença, R.P.C. Avaliação qualitativa das preparações do cardápio em uma unidade de alimentação e nutrição – Método AQPC. Nutrição em Pauta, set/out, pág 36-42, 2003.
35. Weaver, CM; Fleet, JC. Vitamin D requirements: currents and future. Am J Clin Nutr 2004; 80(suppl): 1735S-9S.
36. World Health Organization WHO. The global strategy on diet, physical activity and health. 2003.
 

Clique para consultar os requisitos para RNM4303

Clique para consultar o oferecimento para RNM4303

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP