Informa??es da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos
 
Zootecnia
 
Disciplina: ZAZ0061 - Estrutiocultura
Ostrich Production

Créditos Aula: 2
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 30 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2006 Desativação:

Objetivos
Atender à demanda atual do mercado de trabalho quanto a atividade de criação de avestruzes em nosso país, buscando formar profissionais de Zootecnia para enfrentar os novos desafios desta área do agronegócio (estrutiocultura), oferecendo-lhe o conjunto de conhecimentos e conceitos reunidos nesta disciplina, além de proporcionar sólida base de conhecimentos científicos atualizados, dotando o egresso de capacitação para atuar no (a):
a) Gerenciamento de projetos na área de avestruzes, inseridos no contexto micro e macroeconômico, otimizando os recursos disponíveis com o uso adequado de soluções técnica, social e economicamente viáveis;
b) Desenvolvimento de visão empreendedora e pró-ativa dentro da estrutiocultura, agindo como empresário ou profissional autônomo com capacidade de contribuir positivamente para todo o segmento na geração de resultados econômicos e empregos;
c) Realização de consultorias, visitas técnicas, ministrar aulas, preparar cursos e eventos que possam contribuir na disseminação do conhecimento especializado propiciado pela disciplina.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
550939 - Celso da Costa Carrer
 
Programa Resumido
A disciplina visa abordar a criação do avestruz em todos os seus aspectos: técnicos, zoosanitários, mercadológicos e estratégicos. Para tanto, o conteúdo precisa enfocar detalhes de biologia, manejo, tipos de produto e aspectos de mercado para a consecução dos objetivos.
 
 
 
Programa
a) Histórico da estrutiocultura mundial e brasileira;
b) Produtos do avestruz (tipo, qualidade e quantidade);
c) Mercados interno e externo;
d) Manejos: nutricional, reprodutivo, incubação, cria, recria e engorda;
e) Biologia, comportamento e manejo zoosanitário;
f) Legislação, instalações e ambiência;
g) Melhoramento genético de plantéis de avestruzes;
h) Procedimentos de abate e processamento de produtos;
i) Avaliação econômica e de viabilidade de projetos.
 
 
 
Avaliação
     
Método
- Aulas teóricas e discussões
- Aulas práticas ou visitas técnicas
- Seminários
Critério
- 1 Prova escrita (peso de 50% do total)
- Participação e exercícios (peso de 25% do total)
- 1 Seminário (peso de 25% do total)
Norma de Recuperação
A recuperação constará de uma prova, cuja natureza ficará a cargo da disciplina, a ser realizada até uma semana antes do término do período de retificação de matrícula (estabelecido anualmente pelo Calendário USP)
 
Bibliografia
     
CARRER,C.C.; KORNFELD, M.E. A Criação de avestruzes no Brasil. Ed. Ultracopy, RioClaro-SP, Brasil. 1999. 308p.

GARCIA, E.C. et al. Cria de Avestruces, Emues y Ñandues. Real Escuela de Avicultura. Barcelona, España. 1997. 421 p.

HOLTZHAUSEN, A. & KOTZÉ, M. The Ostrich. C.P. Nel Museum: Oudtshoorn, South Africa, 1995. 57p.

KORNFELD, M.E.; ELMÔR, R.A.; CARRER, C.C. Avestruzes no Brasil: Incubação e Criação de Filhotes. Ed. Nova Página, São Paulo-SP, Brasil. 2001. 113p.

KREIBICH, A. & SOMMER, M. Ostrich Farm Management. Landwirtschaftsverlag. Gmbh, Münster-Hiltrup. 1995. 223p.
 

Clique para consultar os requisitos para ZAZ0061

Clique para consultar o oferecimento para ZAZ0061

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2020 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP