Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 

Júpiter - Sistema de Gestão Acadêmica da Pró-Reitoria de Graduação


Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos
 
Medicina Veterinária
 
Disciplina: ZMV1371 - Clínica Médica de Equinos
Medical Clinic of Equids

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2021 Desativação:

Objetivos
Essa disciplina tem o objetivo de estudar as causas (etiologia), mecanismos de instalação (patogenia) e sintomas das principais enfermidades de equinos, proporcionando aos acadêmicos de Medicina Veterinária o aprendizado dos principais métodos utilizados no diagnóstico das enfermidades e no seu tratamento médico, bem como oferecendo aos alunos sólidos conhecimentos teóricos e práticos sobre as condutas clínicas utilizadas em equinos.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
7534850 - Renata Gebara Sampaio Dória
 
Programa Resumido
A disciplina visa abordar, do ponto de vista teórico e prático, o estudo das diferentes enfermidades dos equinos segundo os aparelhos que compõem o seu organismo. A sua concepção permitirá capacitar os alunos a reconhecer os principais sintomas, estabelecer o diagnóstico das enfermidades e prescrever as medidas terapêuticas para as principais doenças que acometem essa espécie. A disciplina Clínica Médica de Equinos discorrerá sobre os seguintes temas relacionados a clínica média: Dermatologia equina; Afecções sanguíneas e vasculares dos equinos; Afecções do aparelho respiratório dos equinos; Afecções do aparelho digestório dos equinos; Afecções do aparelho urinário dos equinos; Diagnóstico e tratamento das enfermidades do fígado dos equinos; Afecções do aparelho cardio-circulatório dos equinos; Afecções dos potros; Afecções neurológicas dos equinos; Doenças metabólicas e endócrinas dos equinos.
 
 
 
Programa
1. Dermatologia equina: Dermatofilose, dermatofitose, dermatite equisematosa (assaduras), dermatite de quartela, dermatite por picada de ectoparasitas, oncocerquíase, sarnas dos equino, mormo, anidrose termogênica, dermatopatias genéticas; dermatopatias auto-imunes (pênfigo e lúpus); dermatopatias ambientais (alergias, chuva, capim) 2. Afecções sanguíneas e vasculares dos equino: Babesiose; Anaplasmose (Erliquiose); Tripanossomose; Flebite Jugular; Linfangite; Púrpura Hemorrágica; Anemia Infecciosa Equina; Leptospirose 3. Afecções do aparelho respiratório dos equinos: Influenza equina, Herpes vírus equino, Arterite viral equina, Adenite Equina (garrotilho), Rinites, Sinusites, Rinotraqueítes, Pneumonias, Pneumonia abscedante, Broncopneumonias e Pleuropneumonia, Obstrução Recorrente das Vias Aéreas (ORVA), Hemorragia Pulmonar Induzida pelo Exercício 4. Afecções do aparelho digestório dos equinos: Afecções da cavidade bucal e esôfago; Odontologia equina; Síndrome cólica: - exame clínico, diagnóstico, indicações clínicas e cirúrgicas; - afecções clínicas do estômago; - afecções clínicas do intestino delgado; - afecções clínicas do ceco; - afecções clínicas do cólon maior; - afecções clínicas do cólon menor; afecções clínicas do reto; - cólica trombo-embólica, Tratamento clínico do abdômen agudo equino 5. Afecções do Aparelho Locomotor dos Equinos: Miopatias (miosites, miopatia pós-decúbito e pós-anestésica); Exaustão; Paralisia periódica hipercalêmica (HYPP); Doença do músculo branco; Bursites; Tendinites; Desmites; Constricção do ligamento anular palmar; Síndrome do navicular; Laminite; Exungulação; Abscesso sub-solear (Broca), Picada e encravadura, Necrose de Ranilha, Lesões na Região Coronária, Ferrageamento preventivo e corretivo; Coluna vertebral de equinos (lombalgias); Medicina esportiva equina 6. Afecções do aparelho urinário dos equinos: Infecções do trato urinário, Nefropatias, Insuficiência renal aguda e crônica, Urolitíase 7. Diagnóstico e tratamento das enfermidades do fígado dos equinos 8. Enfermidades do aparelho cardio-circulatório dos equinos: Arritmias, Valvulopatias, Miocardiopatias, Insuficiência cardíaca congestiva 9. Afecções de potros: - falha na transferência passiva de anticorpos: septicemia, poliartrite e osteomielite; - pneumonias infecciosas; - pneumonia abscedante; - enterites bacterianas; - enterites virais; - enterites parasitárias; - enterites protozoárias; - cólicas em neonatos; - má formação de reto e ânus; - anomalias do desenvolvimento 10. Afecções neurológicas dos equinos: Exame clínico do Sistema Nervoso, Sinais clínicos de alteração no Sistema Nervoso, Síndromes cerebrais: - Leucoencefalomalácea; - Encefalopatia hepática; - Encefalomielite leste, oeste, venezuelana; - Convulsões; - Traumatismo craniano; - Raiva; Síndromes Tronco-cerebelares: - Traumas; Síndrome Cerebelar: - Abiotropia Cerebelar; Síndromes Medulares: - Mal formações vertebrais cervicais; - Traumas; - Mielopatia degenerativa; Doenças dos Nervos Periféricos: - Tétano; - Botulismo; - Síndrome Miastênica Pós-Anestésica; Doenças Multifocais ou Difusas: - Polineurite equina; - Mieloencefalite por herpesvírus tipo 1; - Mieloencefalite Protozoária Equina (EPM); - Mal das Cadeiras; - Migração errática de larvas parasitárias 11. Doenças metabólicas e endócrinas dos equinos: Osteodistrofias, Hiperlipemia, Síndromes Metabólicas, Síndrome de Cushing, Hipertireoidismo e Hipotireoidismo
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas sob a forma expositiva abordando os temas incluídos no conteúdo programático da disciplina. Nas aulas práticas serão utilizados animais encaminhados e/ou internados na estrutura hospitalar da FZEA e ou visitas a propriedades rurais de criação de equino. As aulas práticas programadas poderão ser utilizadas para exame clínico e tratamento de animais, para demonstrações teórico-práticas de procedimentos clínicos e de diagnóstico ou, ainda, para discussão dos casos atendidos.
Critério
Duas provas teóricas e uma prova prática. A nota final será expressa pela média das três provas acima referidas. Média Final = (1ª Prova Teórica + 2ª Prova Teórica + Prova Prática) / 3
Norma de Recuperação
A recuperação constará de uma prova teórica ou teórico/práticas a ser realizada, até uma semana antes do término do período de retificação de matrículas (estabelecido pelo calendário USP). A média da avaliação final entrará no computo da recuperação, sendo: Média Final = (Média da avaliação final + Média da Recuperação) / 2
 
Bibliografia
     
AUER & STICK Equine surgery, W.B. Saunders Co, Philadelphia, 3ª ed, 2006, 1390 p.
BEECH, J. Equine respiratory disorders . Philadelphia . W.B. Saunders, 1991.
BROMILEY, M, Equine injury,therapy and rehabilitation . London. Blackwell Scientific Publications, 1993.
GELATT, K.N. Veterinary Ophthalmology. Lea & Febiger, 2ª ed., 1991.
HINCHCLIFF, K. W.; KANEPS, A. J.; GEOR, R. J. Equine Sports Medicine and Surgery. Saunders, 2004, 1364 p.
HODGSON; R. The atletic horse. Philadelphia, W.B. Saunders , 1994.
KOTERBA, A. Equine clinical neonatology. Philadelphia, W.B. Saunders, 1990.
MANSMANN, R.A.; Mc ALLISTER, E.S.; PRATT, P.W. Equine medicine and surgery .California. American Veterinary Publications, 1991
Mc ILWRAITH, C.W. Diagnostic and surgical arthroscopy in the horse, Lea & Febiger, Philadelphia, 1990, 227 p.
Mc ILWRAITH, C.W.; TURNER, A.S. Técnicas cirúrgicas em animais de grande porte. Livraria Roca Ltda., São Paulo, 1985, 341 p.
NIXON, A. J. Equine Fracture Repair, W.B. Saunders Co., Philadelphia, 1996, 384 p.
REED, B. Medicina Interna Eqüina. Guanabara Kooganm, 2000
ROBINSON, N.E. Current Therapy in equine medicine 4 .Philadelphia, W.B. Saunders, 1997
ROSS, M.W.; DYSON, S.J. Diagnosis and Management of Lameness in the Horses. Saunders, St. Louis - Missouri, 2003, 1140 p.
STASHAK, T. Adam's lameness in horse. Philadelphia, Lea & Febiger, 1999
SMITH, B. P. Large Animal Internal Medicine, 2ª ed., Mosby Co., St. Louis, 1990, 2040 p.
SPEIRS, V.C Clinical examination of horses. Philadelphia, W.B. Saunders,1997
WHITE II, N. A. The Equine Acute Abdomen, Lea & Febiger, Malvern, 1990, 434 p
 

Clique para consultar os requisitos para ZMV1371

Clique para consultar o oferecimento para ZMV1371

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2022 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP